Kart: Júnior Menor e Sprinter B são as categorias mais competitivas no início da temporada

Diferença entre os líderes após as duas primeiras etapas é de apenas um ponto. Opinião dos primeiros colocados é de que a disputa se mantenha acirrada até o final.

Reconhecido pela alta competitividade, o Campeonato Paulista Light de Kart começou 2006 embolado. Embora seja prematuro qualquer prognóstico – já que foram realizadas apenas duas etapas –, a disputa em algumas categorias segue acirrada e a diferença entre os líderes chega a ser mínima. É o caso da Júnior Menor, liderada por Eduardo Banzoli, e da Sprinter B, que tem Marcelo Okazaki em primeiro.

Em ambas as categorias, que voltam à pista neste sábado (1/4) para a terceira etapa da temporada, o líder tem apenas um ponto de vantagem para o segundo colocado. Essa proximidade, na opinião de Banzoli, é um indício de como deve ser o campeonato até a 12ª rodada, marcada para o início do mês de dezembro. “Antes da temporada começar já sabíamos que a disputa seria apertada, pelo menos entre os dois ou três primeiros”, opina o piloto. “O Light é um campeonato super competitivo, mas isso nos motiva ainda mais”, completa.

A maior diferença entre líder e vice no Paulista Light pode ser vista na categoria Master B, onde Eduardo Pimenta já abriu oito pontos de vantagem para Wagner Koga. Após as duas primeiras corridas, não há nenhum caso de empate. Na Júnior Menor, Banzoli lidera com 23 pontos, contra 22 de Jean Aguiar. O primeiro colocado conquistou uma vitória, uma pole position e duas melhores voltas, contra uma vitória, uma pole e um segundo lugar do adversário.

“Os pontos extras fazem grande diferença nessa competição, e por isso largar na pole ou conquistar a melhor volta são objetivos tão fortes quanto vencer. Na corrida passada, foi a melhor volta que me garantiu na liderança”, relembra Banzoli, que após largar em último e terminar no pódio, foi o grande destaque da rodada.

A prova deste sábado é a penúltima do primeiro turno da competição, composta pelas quatro primeiras corridas do ano. Em seguida, os pilotos partirão para uma rodada dupla e depois enfrentam mais quatro corridas em sistema único. O encerramento da temporada será feito em mais uma rodada dupla. “Temos muito campeonato pela frente, mas o objetivo é manter a constância desde já”, declarou Banzoli. “Só assim será possível chegar ao fim do ano em condições de brigar pelo título”, finalizou o piloto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *