Kart: Léo Gimenes saiu satisfeito da abertura do Sul-Brasileiro

O paulista Léo Gimenes (OGI Telecom / Alternativa / Conecta) considerou um bom resultado o 4o lugar obtido em sua primeira participação em um campeonato de caráter nacional em sua nova categoria, a Cadete. O resultado foi conquistado na etapa de abertura do Campeonato Sul-Brasileiro de Kart, um dos mais importantes do kartismo brasileiro, realizada no Kartódromo Luigi Borghesi, em Londrina (PR), no último final de semana.


Competindo até o ano passado na categoria Mirim, Léo Gimenes enfrentou alguns problemas a partir do segundo treino livre, disputado na tarde de quinta-feira (23). Pela manhã, ele havia sido o segundo piloto mais rápido, entre doze competidores de vários Estados do Brasil. Os problemas, apurados mais tarde, eram originados no sistema de combustível, o que prejudicou sensivelmente o desempenho do pequeno piloto na tomada de tempos e na primeira bateria.


 


“O problema era na bomba de combustível ou no pescador. Trocamos as duas peças e o desempenho dele mudou sensivelmente. A partir daí, as coisas melhoraram e na segunda bateria ele terminou em quarto lugar”, disse Alberto Allatere, chefe da equipe de Léo, que na primeira havia terminado apenas em oitavo lugar.


 


Com a soma dos pontos obtidos nas duas baterias, Léo Gimenes terminou a 1a etapa do Sul-Brasileiro na 4a posição, um resultado considerado muito bom depois dos problemas iniciais.


 


“Fiquei satisfeito com o resultado, já que enfrentei estes problemas. Se não tivéssemos achado a razão deles, eu teria terminando em uma posição ruim. Desta forma, a diferença para o líder é recuperável”, ponderou o piloto OGI Telecom / Alternativa / Conecta, referindo-se aos 12 pontos de desvantagem que o separam de Erik Gasparini, vencedor da etapa.


 


O próximo compromisso de Léo Gimenes será já neste sábado, quando estará disputando a 3a etapa do Campeonato Paulista Light, a ser realizada no Kartódromo Aldeia da Serra.


 


Confira os cinco primeiros colocados na categoria Cadete:


1 Erik Gasparini (SP) – 22


2 Marcos Vieira (TO) – 16


3 Yukio Duzanowski (SC) – 14


4 Léo Gimenes (SP) – 10


5 Gabriel Robe (RS) – 9

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *