Kart: Massa, Piquet, Kanaan e cia. lutam pela pole na Granja Viana

Uma disputa entre astros da Fórmula 1, representados por Felipe Massa e Nelsinho Piquet, e pilotos de ponta da Fórmula Indy, casos de Tony Kanaan e Vítor Meira, deve marcar a definição da pole da 12ª edição das 500 Milhas da Granja Viana de Kart.

Outros nomes de expressão do automobilismo internacional e nacional, como Christian Fittipaldi, Felipe Giaffone, Antonio Pizzonia, Max Wilson e Raul Boesel participarão amanhã do Top Qualifying que definirá quem comandará o grid de 65 karts neste sábado no Kartódromo Internacional da Granja Viana.

Massa lidera o Massa Blausiegel Team, completado pelo irmão Dudu, mais Xandinho Negrão, Allam Khodair, Felipe Lapenna, Felipes Apezzato e Victor Guerin. Nelsinho está inscrito em dois karts da Oi Piquet Sports ao lado de Rodrigo Piquet, Sérgio Jimenez, Diego Nunes, Clemente Faria Jr. e Cristiano Piquet, entre outros. Kanaan não terá nesta sexta-feira a companhia do parceiro heptacampeão Rubens Barrichello, que cumprirá compromissos particulares e só retornará a Cotia para a corrida.

Os 18 karts incluídos na categoria de “convidados” têm presença garantida no Top Qualifying. Os 10 restantes sairão dos cinco mais rápidos dos grupos A e B. No ano passado, a pole ficou com André Nicastro, que neste ano integra uma equipe composta majoritariamente por pilotos da Fórmula Truck, como Beto Monteiro, Roberval Andrade e Wellington Cirino.

Na Barrichello Racing, a novidade de última hora foi a inclusão do mineiro Cristiano da Matta. Há poucos dias, o ex-piloto da Toyota na Fórmula 1 havia anunciado também a participação no Desafio Internacional das Estrelas, prova que Felipe Massa realizará pelo terceiro ano seguido em Florianópolis e que voltará a contar com a presença de Michael Schumacher.

Principal categoria nacional, a Stock Car estará representada pelo vice-líder Marcos Gomes, Thiago Camilo, terceiro colocado dos playoffs, Felipe Maluhy, Antonio Pizzonia, Duda Pamplona e Nonô Figueiredo. Gomes e Camilo estão na mesma equipe – Dolly, completada por Danilo Dirani e Rogério Raucci – e assegurados no Top Qualifying.

A quinta-feira foi marcada pelos primeiros ensaios com os motores Honda GX-390 sorteados pela organização e pela simulação de acidente e resgate na pista. Felipe Giaffone, que é também um dos organizadores da prova, introduziu a novidade na corrida deste ano para checar a rapidez e a eficiência das equipes de apoio. “Correu tudo bem. Vamos fazer um segundo ensaio amanhã e, quem sabe, mais outro no dia da corrida. Esta é uma atividade em que o treinamento é fundamental”, destacou Giaffone.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *