Kart: Principais nomes do automobilismo mundial dividem pistas no Brasil

Organização do Desafio das Estrelas reconheceu pódio obtido por Antonio Pizzonia no último domingo.

Com o fim da temporada no automobilismo, os principais nomes do esporte em todo o mundo vêm ao Brasil para a disputa de tradicionais provas de kart consolidadas no calendário global. Neste fim de semana (03-05/12), será realizada a prova das 500 Milhas da Granja Viana, organizada por Felipe Giaffone e que conta com a presença de nomes como Rubens Barrichello, Felipe Massa e Antonio Pizzonia.
 
A sequência de grandes provas se iniciou no último fim de semana (28 e 29/11), com a disputa do Desafio Internacional das Estrelas, evento vencido pelo alemão Michael Schumacher, heptacampeão mundial de Fórmula 1. Ao contrário do que foi visto nas telas da TV Globo, quando Antonio Pizzonia (Amazonas/Contigo!) subiu no pódio da bateria final da competição, o resultado da prova foi divulgado com incorreções, apontando o piloto amazonense apenas na 19ª colocação, uma volta atrás do líder.
 
Na noite da última terça-feira (01/12) a organização da prova corrigiu o equívoco e divulgou o resultado correto, com Pizzonia na quinta colocação. Com esta correção, o ex-piloto de Fórmula 1 ficou com a sexta posição no torneio, que mesmo assim não retratou com fidelidade o seu excelente desempenho.
 
Nos treinos livres de sexta-feira Antonio Pizzonia foi o mais rápido de sua sessão, e terceiro tempo no geral, já que a segunda turma andou com a pista em melhores condições.
 
Na tomada de tempos no sábado pela manhã o amazonense conquistou um lugar na segunda fila, atrás apenas de Nelsinho Piquet, Victor Meira e Lucas Di Grassi.
 
Na largada o carburador de seu kart engasgou e o motor não limpou. Com a falha, o amazonense perdeu várias posições imediatamente e recebeu a bandeirada em oitavo.
 
Na segunda corrida, com a inversão de parte do grid Pizzonia largou da pole position e, depois de uma prova extremamente disputada, terminou em quinto e subiu no pódio junto com Felipe Massa, Michael Schumacher, Victor Meira e Rubens Barrichello.
 
Confira o resultado da 1ª bateria
1º) 1 – Michael Schumacher (D), 28 voltas em 26:28.571 (média de 76,58 km/h)
2º) 20 – Vitantonio Liuzzi (I), a 2.768
3º) 19 – Felipe Massa (SP), a 4.684
4º) 18 – Lucas Di Grassi (SP), a 5.553
5º) 27 – Vitor Meira (DF), a 6.727
6º) 11 – Rubens Barrichello (SP), a 7.989
7º) 6 – Tonny Kanaan (BA), a 8.288
8º) 3 – Antonio Pizzonia (AM), a 8.423
9º) 50 – Nelsinho Piquet (DF), a 16.237
10º) 23 – Duda Pamplona (RJ), a 17.775
11º) 10 – Ricardo Zonta (PR), a 26.208
12º) 77 – Tarso Marques (PR), a 26.671
13º) 16 – Enrique Bedrnoldi (PR), a 27.088
14º) 5 – Mario Moraes (SP), a 27.447
15º) 17 – João P Oliveira (SP), a 29.485
16º) 74 – Popó Bueno (RJ), a 30.511
17º) 14 – Luciano Burti (SP), a 33.342
18º) 15 – Felipe Giaffone (SP), a 38.662
19º) 21 – Bia Figueiredo (SP), a 39.039
20º) 8 – Eduardo Berlanda (SP), a 50.544
21º) 99 – Xandinho Negrão (SP), a 1 volta
22º) 80 – Marcos Gomes (SP), a 18 voltas
23º) 60 – Raphael Mattos (SP), a 25 voltas
24º) 7 – Christian Fittipaldi (SP), a 25 voltas
25º) 65 – Max Wilson (SP), a 27 voltas
 
Confira o resultado da 2ª bateria 
1º) 19 – Felipe Massa (SP), 27 voltas em 26:08.980 (média de 74.77 km/h)
2º) 1 – Michael Schumacher (D), a 0.087
3º) 27 – Vitor Meira (DF), a 1.301
4º) 11 – Rubens Barrichello (SP), a 1.915
5º) 3 – Antonio Pizzonia (AM), a 7.401
6º) 80 – Marcos Gomes (SP), a 10.038
7º) 6 – Tonny Kanaan (BA), a 12.883
8º) 65 – Max Wilson (SP), a 15.159
9º) 7 – Christian Fittipaldi (SP), a 19.812
10º) 60 – Raphael Mattos (SP), a 19.961
11º) 21 – Bia Figueiredo (SP), a 20.031
12º) 20 – Vitantonio Liuzzi (I), a 20.804
13º) 16 – Enrique Bedrnoldi (PR), a 21.252
14º) 17 – João P Oliveira (SP), a 21.474
15º) 99 – Xandinho Negrão (SP), a 21.864
16º) 14 – Luciano Burti (SP), a 22.878
17º) 77 – Tarso Marques (PR), a 24.646
18º) 74 – Popó Bueno (RJ), a 25.471
19º) 23 – Duda Pamplona (RJ), a 27.271
20º) 8 – Eduardo Berlanda (SP), a 37.944
21º) 50 – Nelsinho Piquet (DF), a 9 voltas
22º) 18 – Lucas Di Grassi (SP), a 12 voltas
23º) 5 – Mario Moraes (SP), a 21 voltas
24º) 10 – Ricardo Zonta (PR), a 26 voltas
25º) 15 – Felipe Giaffone (SP), a 26 voltas
 
Confira o resultado final do Desafio das Estrelas
1) Michael Schumacher (ALE), 42 pontos;
2) Felipe Massa (BRA), 36;
3) Vitor Meira (BRA), 26;
4) Vitantonio Liuzzi (ITA), 24;
5) Rubens Barrichello (BRA), 23;
6) Antônio Pizzonia (BRA), 19;
7) Tony Kanaan (BRA), 18;
8) Lucas Di Grassi (BRA), 13;
9) Marcos Gomes (BRA), 10;
10) Max Wilson (BRA), 8;
11) Nelsinho Piquet (BRA), 7;
11) Christian Fittipaldi (BRA), 7;
13) Duda Pamplona (BRA), 6;
13) Enrique Bernoldi (BRA), 6;
13) Raphael Mattos (BRA), 6;
16) Ricardo Zonta (BRA), 5;
16) Bia Figueiredo (BRA), 5;
18) Tarso Marques (BRA), 4;
19) João Paulo de Oliveira (BRA), 3;
20) Mario Moraes (BRA), 2;
21) Xandynho Negrão (BRA), 1;
22) Popo Bueno (BRA), 0;
22) Luciano Burti (BRA), 0;
22) Felipe Giaffone (BRA), 0;
22) Eduardo Berlanda (BRA),0.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *