Kart: Segundo descarte deve causar poucas alterações no panorama na Júnior Menor do Paulista Light

Disputa na categoria tem os líderes separados por apenas um ponto. Briga pelo quarto lugar também está apertada.

Pouca coisa deve mudar na classificação geral da categoria Júnior Menor do Campeonato Paulista Light de Kart após a décima etapa da temporada, que será realizada neste sábado (4) no Kartódromo de Aldeia da Serra, na Grande São Paulo. Apesar da corrida ser decisiva na disputa pelo título em boa parte das dez categorias do evento – por definir o segundo descarte do ano –, no grupo dos pilotos de dez a treze anos de idade as possibilidades de mudança na tabela são pequenas. Isso ocorre porque os cinco primeiros colocados conquistaram resultados muito parecidos ao longo do segundo turno do estadual, e podem somar poucos pontos após a corrida deste fim de semana.


“Estamos chegando ao fim do ano e a expectativa sobre a decisão do título aumenta a cada corrida”, falou o paulista Eduardo Banzoli Filho (Oakley), segundo colocado na classificação geral da categoria Júnior Menor, a apenas um ponto do líder. “Mas, apesar da definição do descarte ser, normalmente, um momento chave no campeonato por poder causar verdadeiras reviravoltas na classificação, desta vez aguardamos poucas mudanças. Os cinco primeiros colocados podem, no máximo, ganhar uma posição cada”, analisou o piloto.


A disputa entre Banzoli e Jean Aguiar pelo primeiro lugar é uma das poucas que pode sofrer alterações neste fim de semana, assim como a briga pelo quarto lugar entre Guilherme Silva e Fernando Resende Filho. Em ambos os casos, a diferença entre os pilotos é de apenas um ponto, uma margem que pode ser descontada neste sábado. Com um segundo, um terceiro e um quarto lugares conquistados entre a sétima e a nona corridas do ano, Banzoli pode acrescentar cinco pontos aos 96 que já possui caso vença com pole position e melhor volta neste fim de semana, o que lhe garantiria a liderança independente do resultado de seus adversários.


“Sei que terei um páreo duro pela frente e estou confiante. Como os motores são sorteados, não sabemos exatamente o que encontraremos pela frente e um pouco de sorte será fundamental. Mas as expectativas são boas e trabalhamos muito ao longo de toda a semana para termos um kart rápido, que nos permita brigar pela vitória”, declarou o piloto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *