Líder da GT4, Cordeiro terá novo companheiro em Curitiba no BMW Team Brasil

O gaúcho Vitor Genz vai dividir a pilotagem do BMW M3 de número #12 com o piloto paulista. Na M3 de número #11 Patrick Gonçalves e Matheus Stumpf lutam pela primeira vitória.

O BMW Team Brasil terá uma novidade na categoria GT4 na disputa da 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo, que será realizada neste final de semana (26 e 27) no autódromo internacional de Curitiba, em Pinhais (PR).
O líder Leonardo Cordeiro terá agora como companheiro o gaúcho Vitor Genz, que entra no lugar de William Starostik na pilotagem do BMW M3 de número #12.
“Estou muito contente por poder correr em uma equipe de ponta e espero me adaptar rápido e ajudar o BMW Team Brasil. Este ano, já venci três corridas da MINI Challenge em Curitiba, então é uma pista que eu gosto bastante e costumo andar muito bem”, comentou Genz, que aos 23 anos já coleciona conquistas importantes, dentre elas o vice-campeonato da MINI Challenge em 2011. Este ano, o piloto também lidera a categoria, com um grande domínio. São sete vitórias em nove provas até aqui.
“A excelente performance do Vitor na MINI nos chamou a atenção e decidimos dar essa oportunidade, já que faz parte do nosso programa de desenvolvimento sempre buscar novos talentos. Além disso, a GT4 é a porta de entrada para a GT3, que é o sonho de qualquer piloto. Estamos felizes com a chegada do Vitor e temos certeza que ele fará um ótimo trabalho”, destacou Antonio Hermann, chefe da equipe AH Competições, responsável pela preparação dos carros do BMW Team Brasil.
Apesar de nunca ter competido com o companheiro Leonardo Cordeiro, Genz já tem bom contato com a dupla do BMW M3 de número #11. “Ainda não compartilhei uma pista com o Leonardo, mas já corri com o Patrick (Gonçalves) na MINI e também conheço bem o Matheus (Stumpf), que é gaúcho como eu. Acredito que vamos poder trocar muitas informações e eles irão me ajudar também”, completou o piloto, que em 2011 disputou uma prova da GT3 ao lado do piloto Fernando Poeta.
Cordeiro, que estreou na categoria na etapa passada em Santa Cruz do Sul (RS), ainda comemora a boa adaptação ao carro. “Vencer na minha primeira corrida de turismo foi fantástico! Com certeza isso é fruto do trabalho muito profissional do BMW Team Brasil em conjunto com os pilotos”, ressaltou o jovem paulista, que soma 33 pontos na tabela do campeonato (uma vitória e um quarto lugar).
No outro BMW M3, Patrick Gonçalves – que esteve recentemente na França competindo o MINI United 2012 – não vê a hora de voltar a acelerar. “Estou pedindo que o tempo passe mais rápido pra chegarmos logo em Curitiba. A última etapa foi de grandes emoções, mas não consegui completar do jeito que eu queria. Sabemos da competividade dessa categoria, mas estou apostando na constância da nossa dupla para chegar na frente e tirar o atraso”, comentou o baiano.
Gonçalves e Stumpf conquistaram um pódio na 1ª etapa (segundo lugar), mas tiveram alguns problemas e estão em quarto lugar no campeonato.
“Na verdade, a equipe da BWM é nova, então, o entrosamento entre nós pilotos, mecânicos e engenheiros vem aos poucos. Estamos aprendendo bastante uns com os outros. A equipe vem trabalhando muito bem e o problema de Santa Cruz já foi resolvido. Para a próxima etapa em Curitiba, o carro vai estar em uma condição ótima para lutar por vitórias”, acredita Stumpf, atual bicampeão da GT3.
A programação no traçado paranaense de 3.695 metros terá início na sexta-feira, a partir das 12h10. No sábado, haverá o classificatório e a disputa da 1ª corrida às 15 horas. No domingo, a 2ª prova terá sua largada às 12 horas e será transmitida ao vivo pela Rede TV! e SporTV.
O BMW Team Brasil tem o patrocínio do Banco BMG e BMW, co-patrocínio das empresas Eurobike e Lenovo e os apoios: Beta Ferramentas, Salsa Mobion, AutoNeg e Corsa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *