Mercedes-Benz Grand Challenge: Com grande largada Márcio Campos garante vitória no Rio de Janeiro

Quarta etapa do Mercedes-Benz Grand Challenge aconteceu neste fim de semana no Autódromo de Jacarepaguá

A quarta etapa do Mercedes-Benz Grand Challenge terminou neste domingo (22) com a vitória do gaúcho Márcio Campos, dupla de João Campos. Rubens Tilkian chegou em segundo e Neto De Nigris em terceiro. Com os resultados, Márcio e João chegaram aos 118 pontos, deixando Fernando Jr. em segundo com 96 e Cesare Marrucci em terceiro com 89.

“Mais uma vez consegui uma excelente largada”, diz Márcio Campos, que saiu de sexto e já liderava ao final da primeira curva. “Fui com tudo arriscando o que até não podia e consegui meu objetivo. Administrei a vantagem que abri e por isso meu carro não teve um desgaste grande de pneus. Foi um fim de semana estranho, onde não tínhamos o carro mais rápido, mas vencemos as duas corridas”, fala o piloto.

Segundo colocado, Rubens Tilkian agradeceu o trabalho feito pela sua equipe. “Após o acidente de ontem o meu time teve que trabalhar a noite toda para consertar o meu carro e por isso dedico o resultado à eles. Larguei lá do fundo do pelotão, vim pra cima, ganhei posições e quando estava em segundo não tive mais pneus para tentar chegar no Márcio. Segundo lugar então foi excelente”, encerra.

Neto de Nigris explicou como foi sua corrida até completá-la na terceira posição. “Estamos trabalhando para evoluir o carro, mas ainda não estamos no nível dos Campos. Continuamos lutando, se não tivesse saído ontem da corrida teria um resultado ainda melhor no fim de semana, mas acontece. Hoje fiquei um pouco na largada, mas corri atrás do prejuízo e conquistei um bom resultado. Só o calor que realmente estava de matar”, completa Neto.

Resultado Mercedes-Benz Grand Challenge
1º) 31 – Marcio Campos (MB, RS), 20 voltas em 30:06.390 (média de 122,24 km/h)
2º) 35 – Rubens Tilkian (MB , SP), a 6.508
3º) 11 – Neto De Nigris (MB , SP), a 11.685
4º) 98 – Fernando Junior (MB , RS), a 12.147
5º) 99 – Edson Junior (MB , RS), a 13.221
6º) 12 – Leo De Nigris (MB , SP), a 35.764
7º) 73 – Sergio Martinez (MB , SP), a 40.017
8º) 47 – Sergio Chamon (MB , SP), a 42.325
9º) 6 – Beto Rossi (MB , SP), a 45.080
10º) 22 – Rafael Zapelini (MB , SP), a 48.005
11º) 21 – Peter Gottschalk (MB , SP), a 48.308
12º) 36 – Alex Papazissis (MB , SP), a 1:01.438
13º) 25 – Renato Camargo (MB , SP), a 1:09.465
14º) 60 – Cesare Marrucci (MB , SP), a 1:20.505
15º) 111 – Peter Gottschalk Jr (MB , SP), a 1:21.196
16º) 77 – Arnaldo Diniz (MB , SP), a 2 voltas
17º) 55 – Robero Santos (MB , SP), a 9 voltas
18º) 88 – José F.Amorim Jr. (MB , SP), a 10 voltas

Classificação do Campeonato
1º) Márcio Campos/João Campos, 118 pontos;
2º) Fernando Júnior, 96 pontos;
3º) Cesare Marrucci, 89;
4º) Neto de Nigris, 79;
5º) Léo de Nigris, 72;
6º) José Fernando Amorim Júnior, 52;
7º) Carlos Kray, 44;
8º) Beto Rossi, 43
9º) Sérgio Martinez/Michelle de Jesus, 39
10º) Renato Camargo, 37
11º) Rubens Tilkian,34;
12º) Sérgio Chamon, 33
12º) Arnaldo Diniz Filho, 33;
14º) Rafael Zapelini/Luis Carlos Zapelini, 30;
15º) Alexandre Papazissis/Beto Santos, 28;
16º) Peter Gottschalk Junior, 23;
17º) Rodrigo Miguel, 17;
17º) Edson Júnior, 17;
19º) Roberto Santos, 16;
20º) Betão Fonseca, 15;
20º) Marcos Paioli, 15;
22º) Peter Michel Gottschalk, 13;
23º) Roberto Maggi, 6;
24º) Jorge Temake/Paulo Yamamoto, 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *