Moto: Pierre Chofard e Gilson Scudeler vencem na abertura do Brasileiro de Superbike

Pilotos do Team Scud Petrobras comemoram duas dobradinhas em Interlagos e abrem vantagem na classificação do campeonato.

O domínio foi dos pilotos do Team Scud Petrobras na primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade da categoria Superbike, disputada neste domingo (18) no autódromo de Interlagos. Pierre Chofard e Gilson Scudeler, os dois pilotos da equipe, conquistaram, cada um, uma vitória e um segundo lugar nas duas baterias, abrindo empatados na liderança a temporada em que tentam repetir a dobradinha que obtiveram na classificação final de 2006.

A primeira prova foi disputada sob chuva. Chofard, vice-campeão no ano passado, assumiu a liderança no início, superando o pole Luiz Carlos Cerciari, ao mesmo tempo em que Scudeler, atual campeão, saltava ao segundo lugar. Eles mantiveram-se próximos até faltarem cinco voltas para o final. “Pegamos tráfego e o Pierre negociou melhor com os retardatários”, reconheceu Scudeler. “Eu perdi o contato e ele conseguiu abrir vantagem para vencer”, acrescentou.

A segunda bateria começou marcada pela queda de Chofard. Contudo, a prova foi paralisada em função de um outro acidente. Na nova largada, a disputa pela liderança confrontou, novamente, os três pilotos. “Na metade da corrida, eu consegui passar o Luiz e fui para cima do Pierre. Nós dois começamos a baixar o nosso tempo e começamos uma disputa caseira. Eu também queria vencer uma corrida, dei tudo de mim e consegui a ultrapassagem”, comemorou Scudeler.

O campeão de 2006 frisa a dificuldade que sua condição física lhe impôs na busca pela vitória. Recuperando-se de uma fratura quádrupla no braço direito, sofrida em dezembro, ele terminou a corrida de 17 voltas extenuado. “Senti muita dor, principalmente na segunda corrida, mas me concentrei ao máximo para que a contusão não me impedisse de tentar a vitória. Depois da bandeirada final, o alívio por ter conseguido era tão grande quanto a dor que eu sentia”, manifestou.

Com os resultados deste domingo, Scudeler e Chofard, que têm em suas motos CBR 1000RR as logomarcas de Honda, Arlen Ness, Shark, Samacar, Leo Vince, Oxtar, Black Vision, Pro Heads e Luna, passam a dividir a liderança com 45 pontos, cada. Cerciari, terceiro colocado nas duas provas, tem 32. “Considerando o campeonato, foi melhor do que se um de nós tivesse vencido as duas provas. É uma situação muito positiva para o Team Scud Petrobras”, considerou Chofard.

Na categoria Hornet 600cc, novidade do campeonato, a vitória na primeira etapa foi do mineiro Alecsandre “Doca” di Grandi, último campeão das 500cc. O pódio teve outro campeão brasileiro – o paranaense Fábio Peasson, dono do título das 250cc em 2005 e 2006, ficou em terceiro. Na categoria 250cc, o vencedor foi o mineiro Marciano Santin. Na 250cc Jr., Douglas Figueiredo ganhou. A segunda etapa do Brasileiro está marcada para 6 de maio, em Santa Cruz do Sul (RS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *