NASCAR Sprint Cup Series: Tony Stewart vence a primeira no ano

Tony Stewart (Chevrolet) venceu no domingo (05/09), a Emory Healthcare 500, no Atlanta Motor Speedway, 25ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series. Foi a sua primeira vitória no ano e 38ª na categoria. Carl Edwards (Ford) e Jimmie Johnson (Chevrolet) fecharam os três primeiros.

Stewart dominou a prova liderando 175, das 325 voltas disputadas, encerrando um jejum de 31 provas sem vitória.

Um toque entre Kasey Kahne (Ford) e Ryan Newman (Chevrolet) acionou a última bandeira amarela da prova. Quando a bandeira verde foi novamente agitada, Stewart manteve a ponta, passando as últimas vinte voltas se defendendo dos ataques de Edwards e Johnsson.

Após 3h52m de prova Stewart venceu com 1s3 de vantagem sobre Edwards, que liderou 32 voltas. Johnson, em 3º, conquistou o seu melhor resultado após a vitória em New Hampshire, no final de junho.

Jeff Burton (Chevrolet) foi o 4º, após largar da 26ª posição. Kyle Busch (Toyota) se recuperou de uma punição por excesso de velocidade nos pits, e um pit stop não programado, terminando em 5º seguido pelo irmão mais velho, Kurt Busch (Dodge).

O pole-position Denny Hamlin (Toyota) liderou 74 voltas. Na 143ª volta, quando vinha em 5º lugar, o motor de seu carro estourou, sendo o primeiro a abandonar a prova.

Elliot Sadler (Ford) bateu violentamente na barreira de proteção, depois de um toque com Greg Biffle (Ford), com os dois carros sendo seriamente danificados.

Líder do campeonato, Kevin Harvick (Chevrolet) foi apenas o 33º colocado.

Faltando apenas uma prova para a definição dos doze classificados para o Chase, dez pilotos já garantiram o seu lugar: Harvick, Jeff Gordon, Kyle Busch, Stewart, Edwards, Burton, Johnson, Kurt Busch, Matt Kenseth e Hamlin.

Biffle, Clint Bowyer, Newman, Jamie McMurray e Mark Martin, disputam as duas vagas restantes.

A decisiva prova acontece no Richmond International Raceway, na noite de sábado (11/09).

Final:

1 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart/Haas – 325 voltas        
2 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 325
3 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 325
4 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 325
5 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 325
6 – Kurt Busch (Dodge) – Penske – 325
7 – Clint Bowyer (Chevrolet) – Childress – 325
8 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart/Haas – 325
9 – Juan Montoya (Chevrolet) – DEI/Ganassi – 325
10 – Marcos Ambrose (Toyota) – JTG – 325
11 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 325
12 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 325
13 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 325
14 – Reed Sorenson (Toyota) – Red Bull – 325
15 – Jamie McMurray (Chevrolet) – DEI/Ganassi – 325
16 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 325
17 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 325
18 – A.J. Allmendinger (Ford) – RPM – 325
19 – David Ragan (Ford) – Roush – 325
20 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 325
21 – Mark Martin (Chevrolet) – Hendrick – 325
22 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 325
23 – Bill Elliott (Ford) – Wood – 325
24 – Dave Blaney (Ford) – Front Row – 325
25 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 324
26 – Casey Mears (Toyota) – Germain – 324
27 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 324
28 – Patrick Carpentier (Ford) – Latitude 43 – 323
29 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 323
30 – Sam Hornish Jr. (Dodge) – Penske – 322
31 – Bobby Labonte (Chevrolet) – TRG – 320
32 – Kasey Kahne (Ford) – RPM – 310
33 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 309
34 – Scott Speed (Toyota) – Red Bull – 264
35 – Paul Menard (Ford) – RPM – 263
36 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 245
37 – Kevin Conway (Toyota) – Gordon – 162
38 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 161
39 – Michael McDowell (Chevrolet) – Whitney – 160
40 – J.J. Yeley (Chevrolet) – Baldwin – 152
41 – Elliott Sadler (Ford) – RPM – 150
42 – Mike Bliss (Toyota) – Prism – 145
43 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 143

Campeonato:

1. Harvick 3585; 2. Gordon 3366; 3. Kyle Busch 3325; 4. Stewart 3302; 5. Edwards 3288; 6. Burton 3261; 7. Johnson 3247; 8. Kurt Busch 3228; 9. Kenseth 3225; 10. Hamlin 3147; 11. Biffle 3110; 12. Bowyer 3066.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *