NASCAR Truck Series: Miguel Paludo encara novidades em seu segundo ano na Nascar Truck Series

O ano de 2012 será de muitas novidades para o piloto Miguel Paludo, da equipe Duroline na Nascar Truck Series. Em sua segunda temporada completa em uma das três principais divisões nacionais do automobilismo norte-americano, o gaúcho busca a primeira vitória brasileira na categoria contando com uma série de reforços na luta por este objetivo.

A primeira novidade foi anunciada ainda no ano passado: Paludo disputa a temporada 2012 na equipe Turner Motorsports, onde terá entre seus companheiros de equipe o compatriota Nelsinho Piquet. O gaúcho embarca no final desta semana para os EUA depois de aproveitar as férias e iniciar os preparativos para a abertura do campeonato, no próximo dia 24, em Daytona, na Flórida.

“Aproveitei bem os dias de férias com minha família aqui no Brasil. Agora é hora de voltar para os Estados Unidos e focar bastante no início de temporada com o novo time. Fiz um dia de treinos com a Turner no final do ano passado e já me senti bastante ambientado ao novo time. Teremos muitas novidades para 2012”, diz Paludo.

Uma das principais será no visual diferente de sua picape, que agora é a Chevrolet Silverado – ela terá um layout novo para 2012. O número também mudou: é o 32, acompanhando a sequência de carros da própria equipe.

No lado esportivo, Paludo comemora a chegada de dois importantes reforços. Em 2012, seu chefe de equipe será o experiente Mike Hillman Jr, que foi campeão da Nascar Truck Series com Todd Bodine, ex-companheiro de Paludo. Outro nome experiente da Nascar ficará com o brasileiro o tempo todo no rádio durante as corridas: Eddie D’Hondt, que também faz a função de “spotter” para Jeff Gordon na Sprint Cup e trabalhou com Kyle Busch no ano passado.

“Na Nascar, é fundamental formar um time com entrosamento e acredito que vou conseguir isso trazendo pessoas como o Mike e o Eddie. Estou confiante de que poderemos lutar pela primeira vitória brasileira em uma divisão nacional da Nascar. Além disso, meu objetivo é ser rápido e constante em todas as etapas, a fim de terminar o campeonato em uma boa colocação”, diz Paludo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *