Outras: Super Turismo estréia em um fim de semana recheado de velocidade no Autódromo do Eusébio

As primeiras etapas da temporada 2008 foram repletas de adrenalina e muita emoção.

As emoções da Super Turismo 2008 começaram às 9h30 deste domingo(15), com a largada da primeira etapa da competição, no Autódromo Internacional Virgílio Távora, no Eusébio. 32 carros formaram o grid de largada. O maior do Nordeste. Logo no começo, uma surpresa: Luizinho Gonzaga e Marcos Rola, estavam classificados para a primeira fila, mas não largaram com problemas nos carros. A corrida ficou nas mãos de Mano Rola e Raul Fontenelle, que vinham logo atrás. Dava para imaginar até que seria uma corrida tranqüila e sem muitas novidades, devido à igualdade dos carros, mas o que se viu foram disputas cheias de emoções.


Mas a corrida que já estava ganha, acabou mostrando detalhes que fizeram a diferença, como; pilotos que ainda na estavam adaptados aos carros e problemas de suspensão. Mano Rola se manteve na frente até a nona volta quando teve problemas na bomba de combustível e, cedeu a liderança para André Pontes. O piloto começou a imprimir um ritmo forte, mas não imagnava o problema que vinha logo atrás. Tuta Sancho que largou em último, porque não participou do treino classificatório, estava ganhando posições. Depois de algumas, boas e sucessivas ultrapassagens, na décima segunda volta, Tuta ultrapassou André Pontes na entrada da curva Fernando Ary.


Mesmo ameaçado por André, o piloto sustentou a posição e cruzou a linha de chegada com um segundo de diferença. Tuta ficou feliz com o resultado inesperado.


“Você sair nas últimas colocações e chegar em primeiro é muito emocionante, é muito bom vencer assim. Eu não acreditava que isso poderia acontecer, subir ao podium foi bom demais”, disse.


A prova que marcou a estréia da Super Turismo 2008 também serviu para muitas equipes como aprendizado, já que alguns problemas mecânicos motivaram o abandono de pilotos, como Adriano Rabelo com problemas de câmbio, Geraldo Rola com o amortecedor quebrado e Pedro Virgínio, com a quebra da bomba de combustível.


“Lamento pelo problema, mas corrida tem disso, agora é resolver o problema para a próxima etapa”, afirmou.


Pela categoria Ligth, Rodrigo Frota conquistou a primeira etapa, em segundo ficou o piloto espanhol Julian Martin. Os dois pilotos pareciam ter ensaiado o que dizer. Tiveram problemas, mas apostaram numa corrida cautelosa e o resultado final acabou foi o prêmio por terem se mantido na pista à frente dos adversários.
 
Ao meio-dia e meia teve início a segunda etapa. Na pole Luizinho Gonzaga tentou manter o primeiro posto, mas foi superado pelo veterano Marcos Rola que não mais abandonaria o posto. Parecia que a quebra dos dois na primeira etapa, alimentava a gana de chegar na frente. E Luizinho ainda tinha outro problema, a pressão exercida por Luizinho que tinha de se preocupar com o os ataques de Paulo Roberto Filho. Ao longo das 17 voltas o que se viu foi uma prova equilibrada, e com boas disputas pelas posições intermediárias não somente na categoria Profissional, também na Ligth. Para Marcos Rola a prova serviu para mostrar que é possível fazer automobilismo no Ceará com qualidade e profissionalismo.


“Ter realizado essa prova no dia de hoje foi muito importante para a Super Turismo, nós precisávamos acreditar que isso seria possível. Toda organização a quem parabenizo na figura do presidente da Associação de Pilotos de Turismo(APT) e todos os que fizeram desse domingo um dia de festa”, salientou Marcos Rola.


“Realmente, foi um dia de sucesso total. Fizemos um grid de 32 carros, e isso já foi uma realização. Essa é o maior grid do Nordeste, e não marcamos o maior grid do Brasil, porque alguns carros quebraram. Tivemos alguns problemas, afinal, esses carros nunca foram para a pista. Mas tudo vai ser resolvido para que nas próximas etapas, os problemas sejam sanados e o nosso show seja ainda maior”, garante Ênio Santos, presidente da APT.


Pela Categoria Ligth, um duelo caseiro chamou a atenção daqueles que acompanhavam a prova. Pedro Sidrim e Fernando Pessoa, ambos da Próton Racing Team mostraram arrojo e determinação na disputa pela liderança. Diante a insistência de Pessoa, Sidrim chegou a passar por cima da zebra e cedeu a posição, que foi retomada em seguida devido a um erro de Fernando Pessoa.


“Fernando é um excelente piloto, só consegui recuperar a ponta quando ele errou. Foi uma disputa justa e, apesar de sermos da mesma equipe não houve facilidade para nenhum dos dois”, afirmou Pedro Sidrim sobre a batalha travada com Fernando que não deixou barata a vitória do colega. Ao final a Ligth terminou com Pedro Sidrim em primeiro; Fernando Pessoa em segundo; Victor Frota em Terceiro e Marcos Nunes em quarto.


Mais de seis mil pessoas compareceram ao Autódromo do Eusébio. Quem não pode ir, assistiu a transmissão ao vivo pela Band em Fortaleza(canal 20), em Natal(em canal 3), em Maceió(canal 44) e Aracaju(canal 38). E quem perdeu, ou quer repetir a dose, ainda pode conferir um compacto das duas corridas, que será exibido na próxima segunda(23), às 13h.
  
A terceira e quarta etapa da Super Turismo está marcada para o dia 20 de julho, no Autódromo do Eusébio. Será que dá para imaginar como vai ser?
 
*Confira o resultado da 1ª etapa da Super Turismo:


– Categoria Profissional:
1)Tuta Sancho – 20 pontos
2)André Pontes – 16 pontos
3)Ramiro Milfont – 13 pontos
4)Paulo Holanda – 10 pontos
5)Ênio Santos – 8 pontos
6)Alcides Moreira – 6 pontos
7)Cleber Brasileiro – 4 pontos
8)Maurílio Reis – 3 pontos
9)Roberto Barreira – 2 pontos
10)Mano Rola – 1 ponto


-Categoria Light:
1)Rodrigo Frota – 20 pontos
2)Julian Martin – 16 pontos
3)Karl Michael – 13 pontos
4)Marcos Donizete – 10 pontos
5)Victor Frota – 8 pontos
6)Pedro Sidrim – 6 pontos
7)Fernando Pessoa – 4 pontos
8)Marcos Nunes – 3 pontos



*Agora, veja o resultado da 2ª etapa da Super Turismo:


– Categoria Profissional:
1)Marcos Rola – 20 pontos
2)Luizinho Gonzaga – 16 pontos
3)Paulo Holanda – 13 pontos
4)André Pontes – 10 pontos
5)Leo Santos – 8 pontos
6)Ramiro Milfont – 6 pontos
7)Tuta Sancho – 4 pontos
8)Pedro Virgínio Filho – 3 pontos
9)Vicente de Paiva – 2 pontos
10)Edinardo Filho – 1 ponto


-Categoria Light:
1)Pedro Sidrim – 20 pontos
2)Fernando Pessoa – 16 pontos
3)Victor Frota – 13 pontos
4)Marcos Nunes – 10 pontos
5)Paulo Albuquerque – 8 pontos
6)Julian Martin – 6 pontos
7)Rodrigo Frota – 4 pontos
8)Karl Michael – 3 pontos
9)Marcos Donizete – 2 pontos
10)Paulo César – 1 ponto


 


*Veja como ficou a classificação geral da Super Turismo:


– Categoria Profissional:
1) André Pontes – 26 pontos
2) Tuta Sancho – 24 pontos
3) Paulo Holanda – 23 pontos
4)Marcos Rola – 20 pontos
5)Ramiro Milfont – 19 pontos
6)Luizinho Gonzaga – 18 pontos
7)Leo Santos – 8 pontos
8)Ênio Santos – 8 pontos
9)Alcides Moreira – 6 pontos
10)Cleber Brasileiro – 4 pontos
11)Maurílio Reis – 3 pontos
12)Pedro Virgínio Filho – 3 pontos
13)Roberto Barreira – 2 pontos
14)Vicente de Paiva – 2 pontos
15)Mano Rola – 1 ponto
16)Edinardo Filho – 1 ponto


-Categoria Light:
1)Rodrigo Frota – 24 pontos
2)Pedro Sidrim – 24 pontos
3)Julian Martin – 22 pontos
4) Victor Frota – 21 pontos
5)Fernando Pessoa – 19 pontos
6)Karl Michael – 16 pontos
7)Marcos Donizete – 12 pontos
8)Marcos Nunes – 12 pontos
9)Paulo Albuquerque – 8 pontos
10)Paulo César – 1 ponto


A Super Turismo é realizada e organizada pela Associação de Pilotos de Turismo do Ceará, com supervisão da Federação Cearense de Automobilismo. O patrocínio é de Grafam, North Shopping, Rabelo e SP Combustíveis.


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *