Outros: Ricardo Favoretto disputa final da seletiva BMW em Valência

O evento oferece contrato com a montadora alemã e bolsa no valor

de US$ 40 mil para correr na Fórmula BMW Norte-Americana.



O kartista Ricardo Favoretto embarcou nesta quarta-feira (13) para a cidade de Valência, na Espanha, para disputar a final da seletiva internacional promovida pela BMW. Ele é o único representante brasileiro na competição e vai enfrentar 21 pilotos do mundo inteiro na briga pelo prêmio. O vencedor do concurso assina contrato como piloto oficial da montadora alemã e recebe parte do patrocínio necessário para competir na Fórmula BMW Norte-Americana, categoria que faz a preliminar da Fórmula 1 nos Estados Unidos e no Canadá. As finais do evento serão realizadas nos próximos dias 18 e 19 de setembro.


 


Para chegar até a decisão do evento, o brasileiro superou com folga a primeira fase, garantindo o segundo lugar entre os 21 concorrentes de sua bateria (eram sete vagas disponíveis). Diferente daquela avaliação, que levava em consideração uma série de itens, o que vale na fase final é o tempo registrado na pista. Cada piloto terá seu próprio engenheiro fornecido pela organização e no primeiro dia receberá instruções mais detalhadas sobre o carro. Na parte da tarde, entra na pista para as primeiras voltas. O segundo dia, que encerra a disputa, será formado apenas por sessões classificatórias.


 


O momento decisivo da seletiva será o último treino, das 15h00 às 17h00, quando somente os mais rápidos das sessões anteriores continuarão com chances de garantir o prêmio. Outra característica desta fase final é a mudança no traçado. Os pilotos vão percorrer o circuito longo. Na primeira avaliação eles utilizaram o desenho mais curto da pista. “Estou muito confiante e acredito que posso vencer a seletiva, principalmente em razão dos resultados da primeira fase, que foram ótimos”, afirma Ricardo Favoretto, que antes de participar do evento jamais havia guiado um carro de corridas (condição obrigatória do concurso).


 


Antes da final, o piloto passou o mês inteiro treinando com um kart com marchas, no circuito de Itú (SP), para se adaptar mais rapidamente ao câmbio. O objetivo é melhorar a performance, que já deixou boa impressão na primeira fase. “Ele foi muito bem nos treinos em Valência. Parecia até que tinha experiência com o carro”, disse o piloto alemão Jorg Muller, o principal avaliador da seletiva internacional da BMW. Ricardo Favoretto passou o mês em contato com equipes da Fórmula BMW Norte-Americana e tem testes agendados na categoria para o fim do ano, seja qual for o resultado em Valência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *