Paulista de Marcas: Muito equilibrio e mais quatro vencedores

Neste último final de semana aconteceram a 5ª e 6ª rodadas do Campeonato Paulista de Marcas e Pilotos, e mais quatro pilotos ocuparam o degrau mais alto do pódio. Se sagraram vencedores ontem em aguerrida disputa no autódromo José Carlos Pace (Interlagos) os pilotos Milton Lamanauskas (Classe Super) e Charles Sartori (Classe Light) na 5ª rodada; e Renato Rattes (Super) e Cesare Marrucci (Ligth) na 6ª).



O Campeonato continua extremamente disputado, e em ambas classes nenhum piloto disparou de forma contundente na tabela. Na largada da 5ª etapa, Ricardo Kraft (Master Food/ Arias) pulou na frente, mas já na entrada do Esse do Senna, freou forte desequilibrando o carro e permitindo que Milton Lamanauskas (Arias/ Patri/ Car System) e Zigomar Farias (Triboil/ Arias Motorsport) se postassem ao seu lado, efetuando a ultrapassagem antes da Curva Chico Landi (Lago).

 

Ao fecharem a primeira volta a ordem era: Ralf Krause, Zigomar Farias, Mario Yokota (Arias), Renato Rattes (Magneti Marelli/ Valvoline/ Colamais) e Carlos Vallone (Arias/ Hi-tech Blindagens/ Planam/ Izzo)  que liderava na Light. Ricardo Kraft caira para 15ª colocação e iria tentar uma prova de recuperação.

 

Com quatro voltas Milton Lamanauskas já conseguia abrir pequena vantagem sobre Zigomar, que também escapava de Yokota. Mais atrás a luta continuava cada vez mais contundente, com Charles Sartori (Triboil/ Arias/ Creativy) se destacando no segundo pelotão, onde também vinham evoluindo na prova após largadas ruins, Edgar Amaral (Shock Metais/ Arias/ Master Food) e Ricardo Kraft).

 

Após sete voltas na frente tudo seguia inalterado, mas Carlos Vallone acabou perdendo terreno, sendo ultrapassado por Edgar Amaral, Charles Sartori e Alexandre Souza (Mercearia/ Arias). Ricardo Kraft, que já vinha em sétimo, acabou levando um toque e abandonou. No final vitória até tranqüila de Milton Lamanauskas, com Mario Yokota em segundo e Renato Rattes em terceiro na Super.

 

Na Ligth Charles Sartori, que vem evoluindo a cada prova após estrear no automobilismo ano passado, conquistou sua primeira vitória da carreira e festejou muito. Cesare Marrucci foi segundo e Carlos Louro, que competiu em parceira com seu irmão Fernando Louro, o terceiro.

 

A 6ª rodada parecia que iria ser dominada por Ralf Krause, parceiro de Milton Lamanauskas, mas já na freada para primeira curva, se percebeu que a batalha seria titânica. Renato Rattes largou muito bem, e dividiu as três primeiras curvas com Krause.

 

Na volta seguinte a cena se repete com Rattes indo lado a lado com Krause até a entrada da reta principal. Mario Yokota, Marcio Gonzales e Charles Sartori observavam a distância segura, já esperando algum toque. Zigomar Farias logo se recuperou da má largada, e assumiu o terceiro lugar e encostou nos líderes.

 

Na metade da corrida Zigomar superou Rattes e saiu à caça de Krause. Na freada do Esse do Senna a corrida acabou se decidindo a favor de Rattes, quando Zigomar acabou freando muito tarde e tocando na parte traseira direta do carro de Krause, que bateu na mureta dos boxes, ficando atravessado no meio da curva.

 

Krause, bastante aborrecido abandonou a prova, e Zigomar assumiu a ponta. Três voltas depois os comissários o puniram com um drive-trough por manobra perigosa, e Rattes foi para liderança. No final Rattes conquistou sua primeira vitória no ano, com Zigomar terminando em segundo.

 

Antes mesmo de irem ao pódio, Zigomar foi informado que teria uma penalização de 20 segundos somado ao seu tempo total de prova, por ter excedido a velocidade nos boxes, assim o segundo lugar na corrida foi Cesare Marrucci, que venceu na Light.

 

Marcio Gonzales foi o terceiro, com Alexandre Souza em quarto, Carlos Vallone em quinto e Zigomar Farias em sexto. A categoria fez ainda um minuto de silêncio em respeito à memoria de Amauri Barny, falecido no última sexta-feira.

 

Resultado da 5ª etapa


Super:

1 Milton Lamanauskas (Arias/ Patri/ Car System) 12 voltas em 25s09s961

2 Mario Yokota (Arias) a 2s308

3 Renato Rattes (Magneti Marelli/ Valvoline/ Colamais) a 8s278

4 Zigomar Farias (Arias/ Triboil) a 11s960
5 Edgar Amaral (Arias/ Ponto Auto Multimarcas/ Master) a 15s589
6 Alexandre Sousa (Mercearia/ Arias) a 16s736


Ligth:

1 Charles Sartori (Criativy) 12 voltas em 25s26s012

Carlos Vallone (Arias/ Hi-tech Blindagens/ Planam/ Izzo) a 3s186
3 Cesare Marrucci (Arias) a 7s384
5 Carlos Louro  (Dedic/ Sucessy/ Wittel) a 10s230
6 Celso Jafet (Arias) a 15s691

 

Melhor volta: Milton Lamanauskas na 1ª volta em 2m04s507

 

Resultado da 6ª etapa


Super:

1 Renato Rattes (Magneti Marelli/ Valvoline/ Colamais) 12 voltas em 25s36s261

2 Edgar Amaral (Arias/ Ponto Auto Multimarcas/ Master) a 5s455

3 Alexandre Sousa (Mercearia/ Arias) a 12s841

4 Zigomar Farias (Arias/ Triboil) a 22s626
5 Mario Yokota (Arias) a 32s528

6 Ney Roberto David (Lexus Seguros/ Iorga Oleos/ Orklay/ Magneti Marelli) a 1 volta


Ligth:

1 Cesare Marrucci (Arias) 12 voltas em 25s40s118
2 Carlos Vallone (Arias/ Hi-tech Blindagens/ Planam/ Izzo)  a 10s594

3 Celso Jafet (Arias) a 21s223

4 Marcelo Camacho (Fx/ Phoenix/ Magneti Marelli/ Anaton/ Moura) a 34s477

5 Fernando Louro  (Dedic/ Sucessy/ Wittel) a 50s682

6 Charles Sartori (Criativy) a 2 voltas
 
Melhor volta: Zigomar Farias na 7ª volta em 2m05s582

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *