Pick-Up: Thiago Riberi vence de ponta a ponta

Thiago Riberi consolidou seu vice-campeonato em prova marcada pelas inúmeras batidas.

Pela terceira vez na temporada, o topo do pódio na Pick Up Racing ficou em poder do paulista Thiago Riberi. Vice- campeão da competição, o piloto da equipe Gramacho Stedile (Chevrolet) ratificou essa condição ao vencer a oitava etapa da temporada, realizada neste domingo no Autódromo Internacional José Carlos Pace. Ele completou as 19 voltas em 40min55seg022, seguido por Paulo Salustiano, da Bazzo Racing (Chevrolet), 40min58seg389. Julio Campos,da AMD Racing (Mitsubishi), campeão antecipado da categoria, completou o pódio na terceira colocação, em 40min59seg950.

A prova em Interlagos foi marcada pela boa vantagem que Riberi impôs sobre o segundo colocado, chegando a mais de três segundos, e as inúmeras batidas entre os competidores, resultando na entrada do Safety Car por duas vezes.

Riberi, como não podia deixar de ser, estava muito satisfeito com a estratégia adotada e com o resultado da prova. “Fiz uma largada muito boa, fiz a primeira curva tranquilo e vi que o Serafim Jr não conseguia acompanhar o meu ritmo e só tive que administrar minha posição até a entrada do Safety Car”, declarou o vice-campeão.
Para o segundo colocado na prova, Paulo Salustiano, que já havia disputado a corrida da Copa Nextel terminar a prova foi bem complicado. “Essa dupla jornada não é nada fácil, a corrida na Nextel foi muito desgastante.”, afirmou o paulista. Salu ficou bastante contente com a posição que terminou a prova. “Fiz uma ótima largada, saindo da oitava para a quinta colocação. Meu carro não vinha rendendo muito de reta, mas vinha defendendo minha posição como podia. No final só tive que administrar e chegar em segundo”, finalizou.

Resultado da 8ª etapa da Pick Up Racing:
1º) 90 – Thiago Riberi (Chevrolet, SP), 19 voltas em 40:55.022 (média de 120,05 km/h)
2º) 5 – Paulo Salustiano (Chevrolet , SP), a 3.366
3º) 4 – Julio Campos (Mitsubishi , PR), a 4.927
4º) 1 – Cadú Pasetti (Chevrolet , SP), a 4.956
5º) 3 – Rafael Iserhard (Chevrolet , RS), a 6.421
6º) 54 – Fabricio Lançoni (Mitsubishi , SP), a 6.996
7º) 63 – Marlon Watanabe (Chevrolet , PR), a 17.081
8º) 14 – Hybernon Cysne (Mitsubishi , CE), a 17.444
9º) 10 – Aluizio Coelho (Mitsubishi , SP), a 23.997
10º) 56 – João Pretto (Mitsubishi , MT), a 25.155
11º) 18 – Rodrigo Navarro (Chevrolet , SP), a 25.635
12º) 53 – Ronaldo Kastropil (Mitsubishi , SP), a 27.740
13º) 78 – Fúlvio Marote (Mitsubishi , PR), a 1 volta
14º) 75 – Henrique Assunção (Mitsubishi , SP), a 2 voltas
15º) 13 – Sebastião Malucelli (Mitsubishi , SP), a 4 voltas
16º) 88 – Marcos Ramalho (Chevrolet, MS), a 6 voltas
17º) 8 – Douglas Soares (Chevrolet , SP), a 10 voltas
18º) 17 – Serafim Junior (Chevrolet , RJ), a 11 voltas
19º) 77 – Wilson Costa Jr (Chevrolet , PR), a 12 voltas
20º) 22 – Anderson Faria (Mitsubishi , RJ), a 13 voltas
21º) 70 – Rodrigo Stefanini (Chevrolet , SP), a 15 voltas
22º) 16 – Carlos Kray (Mitsubishi , RS), a 18 voltas
23º) 96 – João Ometto (Chevrolet , SP), a 18 voltas

Melhor Volta: Thiago Riberi , 1:48.108 (143,48 km/h) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *