Porsche Carrera Cup: Em corrida de recuperação, Valdeno Brito comemora sétimo lugar

Brasileiro da Konrad Motorsport lamenta estratégia errada nos treinos classificatórios e se diz satisfeito com desempenho na quinta etapa.

Apesar da expectativa inicial de figurar entre os primeiros colocados na classificação final da corrida, Valdeno Brito comemorou na manhã deste domingo (2) o sétimo lugar na quinta etapa do Porsche Carrera Cup. O piloto brasileiro da Konrad Motorsport consolidou o resultado na pista alemã de Öschersleben depois de ter empreendido uma corrida de recuperação. A vitória na corrida foi do alemão Jan Seyffarth, que largou da pole-position.

“Era para ter sido um resultado ainda mais positivo, mas as circunstâncias me levam a ficar muito satisfeito com a sétima posição”, contou Brito, que largou em 14º. “Na primeira fase do treino classificatório, eu estava em sexto e a equipe optou por não me mandar para a pista novamente. Assim, poderíamos guardar um jogo de pneus novos para a segunda fase, que teria os 10 melhores. Mas a pista melhorou e fiquei fora do grupo dos 10”, resumiu.

A largada foi determinante para a prova de recuperação do brasileiro. “Eu fiz umas três ultrapassagens já na retinha de largada, depois ganhei mais algumas posições na freada. Completei a primeira volta em nono. Depois disso, conquistei mais duas posições. No final, estava fazendo minhas voltas nos mesmos tempos dos pilotos que estavam lá no primeiro pelotão, mas não havia mais tempo para tentar alcançá-los. Foi uma boa corrida”, disse.

Brito atribuiu à fase de aprendizado as dificuldades que tem enfrentado na Porsche Carrera Cup. “Está sendo uma boa experiência para mim, e como toda experiência, há um preço a se pagar pelo aprendizado. Eu tive apenas um treino de 45 minutos para aprender a pista antes do treino classificatório, tem sido assim em todas as etapas, mas estou muito satisfeito. E, com o resultado de hoje, ainda estou em sexto no campeonato”, frisou.

Depois de 22 voltas, o resultado final da quinta etapa do Porsche Carrera Cup em Öschersleben foi o seguinte:
1º) Jan Seyffarth (ALE/tolimit-Seyffarth Motorsport), 34min14s062
2º) Thomas Jäger (ALE/MS Racing), a 3s510
3º) Roberto Renauer (ALE/Farnbacher Racing), a 9s751
4º) Jeroen Bleekemolen (HOL/Araxa Racing), a 9s982
5º) Sebastian Asch (ALE/Schnabl Engineering), a 10s364
6º) Hannes Plesse (ALE/Schnabl Engineering), a 12s586
7º) Valdeno Brito (BRA/Konrad Motorsport), a 13s074
8º) Robert Lukas (POL/Schnabl Engineering), a 13s415
9º) Christian Engelhart (ALE/MRS Team), a 18s138
10º) Florian Stoll (ALE/MS Racing), a 20s108
11º) Philipp Wlazik (ALE/Hermes Attempto Racing), a 24s250
12º) Nicki Thiim (DIN/Hermes Attempto Racing), a 28s200
13º) Jiri Janak (CZE/Hermes Attempto Racing), a 35s132
14º) Raffi Bader (SUI/Araxa Racing), a 36s738
15º) Florian Scholz (ALE/MS Racing), a 37s336
16º) Frank Kechele (ALE/MRS Team), a 37s752
17º) Niclas Kentenich (ALE/tolimit-Seyffarth Motorsport), a 44s055
18º) David Sigacev (RUS/tolimit-Seyffarth Motorsport), a 56s725
19º) Christoph Schrezenmeier (ALE/HMS Servicesicher), a 58s638
20º) Roland Siegler (ALE/Highspeed Racing Heilbronn), a 1min30s195
21º) Alfred Renauer (ALE/HMS Servicesicher), a 1 volta
22º) Patrick Hirsch (ALE/Konrad Motorsport), a 1 volta
NÃO COMPLETARAM
Stefan Wendt (ALE/tolimit-Seyffarth Motorsport), a 20 voltas
Thomas Langer (ALE/Highspeed Racing Heilbronn), a 22 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *