Rally: Amortecedor quebrado tira vitória de Rafael Túlio em Curitiba

A 27ª edição do Rally da Graciosa em Curitiba entre os dias 20 e 21 de julho vai ficar na memória da dupla Rafael Túlio e Gilvan Jablonski. Uma prova que tinha tudo para solidificar a liderança no Campeonato Brasileiro na categoria A6, tornou-se uma etapa para ser esquecida.

A quebra de uma peça da suspensão frustrou as expectativas da dupla comemorar entre amigos e torcedores. “Não entendo como um amortecedor conseguiu quebrar aonde quebrou. O representante da fábrica estava presente viu e também não acreditou no que aconteceu. Foi uma pena. Tínhamos tudo para vencer e aumentar a diferença na liderança”, comentou Túlio.

A dupla Túlio e Gilvan saiu na frente logo no início do rali abrindo mais de seis segundos de vantagem sobre os principais adversários, Tedesco e Mega. No segundo trecho cronometrado perderam, mas por apenas dois segundos. Na terceira especial de 25 quilômetros venciam com boa vantagem quando o amortecedor quebrou obrigando ao abandono. “Já entregamos toda a suspensão para o fabricante que nos prometeu solucionar o problema e descobrir o defeito que causou isso. Felizmente teremos um bom intervalo para a próxima etapa em Minas Gerais e estaremos com o carro em condições de buscar a diferença para a conquista do título deste ano”, finalizou Túlio.

Com o resultado da etapa de Curitiba, Túlio e Gilvan caíram para a segunda colocação atrás de Tedesco e Bruno. Em terceiro vem Leandro Brustolin e Daniel Ceconello.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *