Rally Dakar: Amarok Logbuch 11

Maurício Neves passa bem após acidente mas está fora do Dakar.

A 6ª etapa do Dakar 2010, realizada ontem entre Antogafasta e Iquique, surpreendeu a dupla brasileira Maurício Neves/Clécio Maestrelli no Race Tuareg 2 #312. Depois de confirmaram a sua 5ª posição na passagem do Primeiro Controle no Km 68, Maurício e Clécio capotaram o carro de frente (em um trecho com sinalização insuficiente) e tiveram que abandonar. Clécio, sem problemas, e Maurício foram atendidos no próprio trecho. Neste momento estão em Antofagasta, saltando o bivaque de Iquique. ” Andando enrroscado com o Robby Gordon( piloto Hummer), a poeira era muito grande quando me deparei com uma sequência de lombas, capotamos de frente várias vezes. O carro é muito seguro, mas a pancada foi muito forte e quebrei algumas costelas. Estou bem, mas vou ficar aqui, no hospital em Antofagasta, e no domingo estou liberado, graças a Deus”, contou Maurício.

VW Race Touareg 2 continua fazendo 1, 2, 3 na Classsificação Geral.

O Gigante do Atacama , aqui na região de Taparacá mostrou que além da generosidade (salitre, cobre, artes rupestres, paisagens prístinas a peder de vista, vastidão para encher todos os espaços deste lado do planeta) para com a Humanidade também sabe apresentar um desafio atrás do outro. A etapa de ontem nessa área que já pertenceu ao Império Inca, foi de navegação difícil, do cruzamento de uma fileira de dunas majestosas e de muitas armadilhas pelo caminho. A chegada, em especial, é única na modalidade, do alto dos 600 metros de uma montanha coberta por areia, os competidores desciam perto de 2 km quase que verticalmente até o sopé da montanha, durante mais de um minuto, onde ficava a chegada. Um minuto e pouco de um slalom gigante feito a 180km/h (velocidade medida no carro de Nasser Al-Attiya) como esquiadores descendo montanhas nevadas com uma platéia seleta assistindo, o bivaque inteiro e o Pacífico todo que com o seu azul profundo permaneceu impassível.

Já a Equipe Volkswagen segue à risca sua tática e chegando em 2º. 3º e 4º ontem, (o vencedor foi Stephan Peterhansel já atrasado em 2 horas e sem chances de vencer) continua dominando o pódio com 3 carros nas 3 primeiras posições na classificação geral. Cortesia de Carlos Sainz/Lucas Cruz em 1º, Mark Miller/Ralph Pitchford em 2º e Nasser Al-Attiya/Timo Gottschalk em 3º e Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzevitz em 17º. Maurício Neves e ClécioMaestrelli, como já lemos acima, foi uma pena mas abandonaram mesmo.

Amarok – ¿Vamos a la playa?

A Amarok assumiu durante a manhã o seu lado praiano e em uma pequena vila de pescadores experimentou dunas com ângulos de ataque diferentes e testou suas qualidades em um terreno por vezes duro ao extremo e por vezes macio até demais. Tal qual um peixe na água a pick-up Volkswagen em pouco tempo estava já integrada a um modo de vida que vai ser muito freqüente na sua existência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *