Rally Dakar: Amarok Logbuch 8

Dakar, mostra a sua cara!

O terceiro dia do Dakar 2010 mostrou a verdadeira face do Dakar, a face da disputa do binômio máquina/ser humano contra a Natureza. A disputa entre carros e pessoas vai para um segundo plano quando o meio ambiente senta para dar as cartas e animar as apostas. Dito e feito, no primeiro encontro em que foi servido um aperitivo de dunas de areia finíssima e pesada, a rigor apenas três pilotos saíram no lucro: O Mr.Dakar (Stephane Peterhansel), El Matador (Carlos Sainz) e o Príncipe do Qatar (Nasser Al-Attiyah). Foi nessa ordem que terminaram o dia de hoje, separados por apenas 10 minutos e é nessa ordem que lideram a classificação geral após três etapas , separados por apenas 7m31s. Amanhã a areia continua no seu papel e promete ainda mais surpresas.

VW Race Touareg 2 em 2º, 3º, 4º, 14º e fora

O domínio absoluto do 2º dia deu lugar a uma série de percalços que mostraram que a Equipe Volkswagen estava certa em montar uma tática para todos os 14 dias de prova e não apenas para momentos especiais. A dupla Carlos Sainz/Lucas Cruz chegou em segundo com o #303 em perfeito estado e El Matador desidratado. Nasser Al-Attiya/Timo Gottschalk lideraram no início mas até mesmo o Príncipe sofreu nessas areias austrais. Mark Miller/Ralph Pitchford recuperaram muito terreno em uma paisagem que lembrou a Baja Califórnia ao Norte-americano. Maurício Neves/ClécioMaestrelli foram batizados pela navegação peculiarmente dura nesta etapa e depois de se perderem duas vezes ainda sofreram com uma queda de potência na hora de atravessar as dunas. Já o vencedor do ano passado a dupla Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzevitz ficou no trecho aguardando a chegada do caminhão da Equipe para ver se consegue prosseguir.

Brasil em alta

A dupla brasileira Maurício Neves/Clécio Maestrelli do Race Toureg 2 #312 continua em 10º na classificação geral, apesar do 14º lugar de hoje e logo após a prova declarou. “Temos que estar, o mínimo não tristes, completamos o dia, acertamos todos os way-points e aprendemos mais umas boas lições. Vamos em frente” terminou Maurício antes de se juntar à Equipe para uma reunião que promete ser prolongada. Mas o Brasil fez um belo 10º lugar na etapa de hoje com o Mitsubishi da dupla Guiga Spinelli/Filipe Palmeiro que está em 8º na classificação geral, 7m16s à frente de Maurício/Clécio.

Amarok seguindo a ação de perto

Da metade da altura de uma duna a Amarok assistiu ao trecho final da etapa de hoje. Depois foi para a parte plana onde pode ver de perto a encrenca que é andar no fora de estrada mais completo e complexo que existe. Hoje à noite os ocupantes das Amarok vão usar tendas individuais, mas passou pela cabeça de todos que se não fosse equipada com apenas 3 assentos individuais tipo competição, a pick-up seria a escolha mais adequada para descansar de verdade. Sorte que amanhã o dia é longo a bordo dela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *