Rally dos Sertões: Palmeirinha vence oitava especial; Guiga Spinelli amplia vantagem na liderança

Marcos Cassol venceu entre os caminhões e está cada vez mais perto do título

Faltam apenas duas especiais para o final da 18ª edição do Rally Internacional dos Sertões. Nesta quarta-feira (18/08) foi disputada a oitava etapa da prova, entre Balsas (MA) e Teresina (PI). Após superar um trajeto de 653 quilômetros – 183 de trecho cronometrado -, Paulo Nobre, o Palmeirinha, e Luiz Carlos Palú (BMW X3) foram os mais rápidos entre os carros, com o tempo de 2h05min37s.

Com o bom resultado, Palmeirinha subiu duas posições no acumulado e agora é o quarto colocado. Logo atrás de Nobre/Palú nesta oitava – e antepenúltima – especial, a dupla formada por Cristian Baumgart e Beco Andreotti (Mitsubishi) confirmou o bom momento na prova, somando uma vitória e duas segundas colocações nas últimas três etapas. Eles fecharam o dia com 2h06min14s.

“Estou supersatisfeito. O piso de hoje era muito bom. Foi uma especial divertida, deu pra brincar bastante. Ter vencido a especial foi como um prêmio de consolação. Durante dois anos seguidos, fui o piloto que mais venceu especiais, mas não o Rally dos Sertões. É uma espécie de Série B e vou tentar o Tri”, ironizou Nobre.

Na liderança entre os carros, Guiga Spinelli e Youssef Haddad (Mitsubishi) terminaram a oitava especial na quinta colocação, com 2h09min32s. Com o resultado, a dupla ampliou sua vantagem para 22min49 a duas etapas do fim da prova. Riamburgo Ximenes e Stanger Welerson (Mitsubishi), que fecharam o dia em quarto – 2h08min33s -, assumiram a vice-liderança. Klever Kolberg e Flavio Marinho (Mitsubishi) voltaram a enfrentar problemas.

“Hoje já foi dia de cuidar do equipamento. Mantivemos um ritmo forte, mas sem forçar, nnos preocupando com o carro e evitando problemas. A estratégia a partir de agora é pensar e manter o foco no acumulado”, comentou Guiga.

Na categoria dos caminhões, o caminho do título parece cada vez mais curto para Marcos Cassol/Rodrigo Mello/Davi Fonseca (Ford F4000). O trio venceu a especial desta quarta-feira (18), com 2h32min31s, e agora tem mais de duas horas de vantagem no acumulado sobre os vice-líderes – Vanderlei Cassol/Lelio Carneiro/Henrique Oliveira (Ford F4000).

Na oitava etapa, os caminhões pesados utilizaram toda a sua potência, surpreenderam ao ocuparem as segunda e a terceira posições, respectivamente com Guido Salvini/Weidner Moreira/Fernando Chwaigert (Mercedes Benz Atego 1725), que marcaram 02h34min08s5, e André Azevedo/Maykel Justo/Ronaldo Pinto (Mercedes Benz Atego), comm 02h36min24s1.

“Foi uma especial muito rápida, lisa e extremamente prazerosa. Foi a mais gostosa do rali até agora. Sempre estivemos em alta velocidade, andando com o caminhão de lado. Agora a estratégia é poupar o equipamento, principalmente amanhã, quando a especial deve ser bem dura. Com essa vantagem, não podemos nos arriscar”, disse Marcos Cassol

Informações do Posto Médico:

Nesta quarta-feira (18), a equipe médica do Rally Internacional dos Sertões voltou a entrar em ação, mas nenhum dos competidores atendidos foi vetado para a sequência da prova.

Confira o resultado extra-oficial da especial Balsas (MA) – Teresina (PI):

1º) Paulo Nobre (Palmeirinha)/Luiz Carlos Palu (BMW X3) – 02h05min37s2

2º) Cristian Baumgart/Beco Andreotti (Mitsubishi L200 Triton) – 02h06min14s9

3º) João Antonio Franciosi/ Rafael Capoani – (Sherpa V2) – 02h07min15s5

4º) Riamburgo Ximenes /Stanger Welerson Eler – (Mitsubishi Evo Pron) – 02h08min33s7

5º) Guilherme Spinelli /Youssef Haddad – (Mitsubishi Triton SR) – 02h09min32s1

6º) Reinaldo Varela/ Eduardo Bampi – (Mitsubishi Pajero Full) – 02h12min32s3
7º) Jean Azevedo/ Emerson Cavassin – (Mitsubishi L200 Evo) – 02h13min29s4

8º) Hugo Rodrigues/ Kaique Bentivoglio – (Mitsubishi L200 RS) – 02h19min44s3

9º) Alberto Castro/ Vinicius Castro – (Mitsubishi L200 RS) – 02h20min35s0

10º) Ralph Schaus/ Vincent Prignon – (Mitsubishi L200 RS) – 02h20min55s0

Confira o resultado extra-oficial do acumulado carros:

1º) Guilherme Spinelli /Youssef Haddad – (Mitsubishi Triton SR) – 20h35min07s9

2º) Riamburgo Ximenes /Stanger Welerson Eler – (Mitsubishi Evo Pron) – 20h58min26s1

3º) Klever Kolberg/ Flavio Marinho de França – (Mitsubishi Proton) – 21h04min25s6

4º) Paulo Nobre (Palmeirinha)/Luiz Carlos Palu (BMW X3) – 21h30min15s1

5º) Cristian Baumgart/Beco Andreotti (Mitsubishi L200 Triton ) – 21h42min38s8

6º) João Antonio Franciosi/ Rafael Capoani – (Sherpa V2) – 21h54min30s1

7º) Luiz Facco/Silvio Deusdara – (Mitsubishi L200 RS) – 22h16min29s4

8º) Alberto Castro/ Vinicius Castro – (Mitsubishi L200 RS) – 23h17min52s6

9º) Richard Vaders/ José Spacassassi – (Sherpa V2) – 23h18min32s3

10º) Jean Azevedo/ Emerson Cavassin – (Mitsubishi L200 Evo) – 023h29min37s9

Confira o resultado extra-oficial da especial Balsas (MA) – Teresina (PI):

1º) Marcos Cassol/Rodrigo Mello/Davi Fonseca (Ford F4000) – 02h32min31s9

2º) Guido Salvini/Weidner Moreira/Fernando Chwaigert (Mercedes Benz Atego 1725) – 02h34min08s5

3º) André Azevedo/Maykel Justo/Ronaldo Pinto (Mercedes Benz Atego) – 02h36min24s1

4º) Edu Piano/Solon Mendes/Marcos Alves (Ford Cargo 1722 4×4) – 02h43min35s7

5º) Felicio Bragante/Ricardo Costa/Nelson Corder (Ford F4000) – 02h46min10s5

6º) Vanderlei Cassol/Lelio Carneiro/Henrique Oliveira (Ford F4000) – 02h48min40s8

7º) Luciana Bragante/Roberlena Moraes/Carla Martin (Ford F4000) – 02h56min32s6

8º) Ulysses Marinzeck/Cesar Botas/Adriano Silva (Ford Cargo 1722) – 02h58min44s6

9º) Kenner Santos Garcia/Ronie Von Silva (Ford F250) – não completaram

Confira o resultado extra-oficial do acumulado caminhões:

1º) Marcos Cassol/Rodrigo Mello/Davi Fonseca (Ford F4000) – 22h38min26s5

2º) Vanderlei Cassol/Lelio Carneiro/Henrique Oliveira (Ford F4000) – 25h01min49s4

3º) Felicio Bragante/Ricardo Costa/Nelson Corder (Ford F4000) – 25h46min32s7

4º) Ulysses Marinzeck/Cesar Botas/Adriano Silva (Ford Cargo 1722) – 27h09min49s8

5º) Kenner Santos Garcia/Ronie Von Silva (Ford F250) – 27h42min46s5

6º) André Azevedo/Maykel Justo/Ronaldo Pinto (Mercedes Benz Atego) – 27h43min58s8

7º) Edu Piano/Solon Mendes/Marcos Alves (Ford Cargo 1722 4×4) – 29h44min58s2

8º) Luciana Bragante/Roberlena Moraes/Carla Martin (Ford F4000) – 30h22min30s3

9º) Guido Salvini/Weidner Moreira/Fernando Chwaigert (Mercedes Benz Atego 1725) – 32h33min46s1

Veja como será a quinta-feira (19/08) do Rally Internacional dos Sertões:

9ª etapa – Teresina (PI) – Sobral (CE)

Deslocamento Inicial: 70 km

Trecho Especial: 245 km

Deslocamento Final: 137 km

Total: 452 km

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *