Rally Mineiro: 4ª etapa da Copa Jeep Club Juiz de Fora teve noite agitada e bastante emocionante

A prova exigiu faro e extrema concentração dos participantes. Foram muitas as dificuldades de pilotos e navegadores para identificar as referências que apontavam as mudanças de direção e pegadinhas ao longo do caminho

Os roncos dos motores ecoaram noite adentro na região da Zona da Mata mineira. Neste último sábado, 24, a cidade de Juiz de Fora, MG, recebeu a 4ª etapa da Copa Jeep Club Juiz de Fora, em um grande e emocionante desafio de quatro horas e 110 quilômetros.

A largada foi às 18:30 horas, logo após o pôr do Sol. Somente com o auxílio dos faróis dos veículos, pilotos e navegadores percorreram um roteiro que passou pelos municípios de Chácara, Coronel Pacheco e Filgueiras. As duplas enfrentaram um terreno com cascalho, erosões, muitas subidas e descidas, travessia de riacho e trechos em meio a mata fechada. Um balaio bastante complexo no final do certame foi decisivo para o resultado final.

A prova teve alto nível técnico, com médias de velocidade justas, e a falta de visibilidade demandou muita concentração dos pilotos, mas, sobretudo dos navegadores, que além de interpretar as instruções no livro de bordo, precisaram identificar (em meio a todas as dificuldades), as referências do caminho. Diversas duplas cometeram alguns erros, tornando o rali ainda mais competitivo. “Por estar escuro, foi complicado encontrar e apontar as referências e, ao mesmo tempo, ler a planilha”, comentou o navegador Matheus Mazzei.

Provando que escuridão não é problema, Braúlio Ferreira e Breno Rezende venceram essa “parada dura” na categoria Máster. “A vitória coroou o primeiro ano da dupla, principalmente por termos ganho essa etapa com larga vantagem de pontos para os nossos adversários, o que é bom para dar moral a equipe”, declarou o navegador.

Entre os competidores da Graduados, Mário Delanda e Bruno Barbosa foram os melhores. “Após duas quebras nas etapas passadas, desta vez, tudo transcorreu normalmente e conseguimos uma importante conquista, que nos coloca novamente na disputa pelo título da Copa. É muito bom volta a subir no lugar mais alto do pódio”, revelou o piloto Delanda. E para completar, Roberto Freitas e Juliana Mateus ganharam na Turismo Light.

A Copa Jeep Club Juiz de Fora retorna atividades, com o 8º Rally Caminho Novo, nos dias 29 e 30 de outubro.

Classificação – 4ª etapa Copa Jeep Club Juiz de Fora

Máster

1º Bráulio Ferreira e Breno Rezende, 541 pontos perdidos
2º Ricardo Mazzei e Matheus Mazzei, 908 pontos perdidos
3º Carlos Salvini e Marcelo Jucá, 1.288 pontos perdidos

Graduados

1º Mário Delanda/Bruno Barbosa, 1.279 pontos perdidos
2º Jean Kamil e Pedro Paulo Oliveira, 2.725 pontos perdidos
3º Wander Rocha Côrtes/Fernando Pugliesi, 6.685 pontos perdidos

Turismo Light

1º Roberto Freiras e Juliana Mateus, 11.627 pontos perdidos
2º Camilo Martins e Loraine Lima, 12.739 pontos perdidos
3º André Creston Costa e Vinícius Teixeira, 13.722 pontos perdidos

Classificação geral da Copa Jeep Club Juiz de Fora

Máster

Pilotos

1º Bráulio Ferreira, 59 pontos
2º Carlos Salvini, 45 pontos
3º Fernando Lage, 42 pontos
4º Ricardo Mazzei, 40 pontos
5º Wander Eduardo de Almeida, 28 pontos

Navegadores

1º Rafael Dal Bello, 42 pontos
2º Matheus Mazzei, 40 pontos
3º Breno Rezende, 30 pontos
4º Paulo Renato Carvalho, 29 pontos
5º Rodrigo Peternelli, 27 pontos

Graduados

Pilotos

1º Wander Rocha, 54 pontos
2º Jean Paulo Kamil, 44 pontos
3º Bruno Siqueira, 40 pontos
4º Mário Delanda, 36 pontos
5º Pedro Braz, 30 pontos

Navegadores

1º Viviane Schneider, 40 pontos
2º Bruno Barbosa, 36 pontos
3º Luiz Fernando Pugliese, 33 pontos
4º Ricardo Furtado Barbosa, 30 pontos
5º Pedro Ribeiro, 30 pontos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *