Stock: Antonio Jorge Neto é 10º em Curitiba

David Muffato foi o 18º depois de perder tempo na parada de pit stops.

Neste domingo foi disputada a 2ª etapa da Copa Nextel Stock Car, na cidade de Curitipa, Paraná. A vitória ficou com o paraibano Valdeno Brito, depois de dominar toda a corrida. A Itaipava Racing Team marcou pontos com o 10º de Antonio Jorge Neto, (Itaipava/Euroframa/Café Pilão) depois de largar em 17º. David Muffato (Itaipava/Café Pilão/Neve) largou em 21º e completou em 18º. Esta foi a primeira corrida da temporada com os dois pit stops obrigatórios: um para abastecimento e outro para troca de pneus. Eduardo Bassani, engenheiro do time, gostou do trabalho da sua equipe. “Tivemos muitos problemas com a caixa de direção aqui em Curitiba. O 10º lugar do Neto e os pontos conquistados premiaram os mecânicos que trabalharam muito este fim de semana. E tenho também que enaltecer o trabalho deles nos pit stops. Foram perfeitos. Uma pena não marcar pontos com o David Muffato”, comentou Bassani.

 

Antonio Jorge Neto marca os primeiros pontos

 

Antonio Jorge Neto completou a corrida de Curitiba na 10ª colocação e marcou seis pontos. Depois de muitos problemas mecânicos durante todos os treinos, ele festejou os pontos conquistados. “Não podemos comemorar como uma vitória este 10º lugar. Mas pelos problemas mecânicos que tivemos, por conta da montagem deste carro novo, os pontos ficaram de bom tamanho. Durante a corrida meu carro perdia um pouco de motor, mas deu para acompanhar o pelotão a minha frente. Foi uma boa corrida”, comentou o piloto Itaipava Racing Team.

 

David Muffato foi o 18º colocado

 

David Muffato foi o 18º colocado depois de largar em 21º. A perda de tempo nos dois pit stops não permitiu um resultado um pouco mais a frente. “Foi uma pena. Perdi um tempo nos pit stops que dava para chegar umas posições mais a frente. Na parada do abastecimento eu fiquei ‘preso’ atrás do Felipe Maluhy. Na segunda parada, houve um problema na comunicação com o Neto e entramos na mesma volta. Fiquei alguns instantes esperando a troca do Neto. Pelo menos completamos a corrida”, explicou o piloto.

 

Agora a Copa Nextel Stock Car para por duas semanas e no dia 3 de maio, em Brasília, Distrito Federal, acontece a 3ª etapa. “Este tempo será essencial para a categoria solucionar os problemas mecânicos. Se todos tiverem a mesma condição de equipamento, com certeza o show será melhor”, finalizou Eduardo Bassani.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *