Stock: Barrichello e novatos terão treino extra no DF

Tony Kanaan e Raphael Matos começam a adaptação à categoria em Brasília

Em prosseguimento à sua adaptação à categoria e novamente como preparação à Corrida do Milhão, etapa que marcará o encerramento do calendário em dezembro em São Paulo e pagará ao vencedor o prêmio de um milhão de reais, Rubens Barrichello ganhou mais um dia de testes em Brasília. O piloto da Equipe Medley/Full Time entrará no anel externo do circuito da Capital Federal já na véspera da abertura dos treinos livres da 11ª e penúltima etapa da temporada. A corrida no Autódromo Internacional Nelson Piquet será realizada em 11 de enovembro.

A exemplo de Curitiba, onde estreou na principal modalidade do automobilismo nacional na semana passada, Barrichello terá direito a três horas de utilização do motor, divididas em quatro sessões de ensaios na quinta-feira – das 9h30 às 10h15, das 11h30 às 12h15, das 14h às 14h30 e das 16h às 17 h. A programação estabelecida pelo diretor-técnico Maurício Ferreira prevê o reconhecimento do traçado, início dos trabalhos de acerto mecânico e as simulações de tomada classificatória e de corrida, além de troca de pneus e reabastecimento, práticas que estarão de volta na Corrida do Milhão.

Desta vez, contudo, Barrichello não estará sozinho na pista. Tony Kanaan, velho amigo e parceiro no Instituto Barrichello Kanaan, e Raphael Matos, mineiro que passou pela Fórmula Indy em 2009 e 2010, correrão pela Bassani Racing nas duas últimas provas de 2012 e tomarão os primeiros contatos com o carro.

Barrichello largou em 15º entre os 32 pilotos que alinharam no grid na capital paranaense e terminou em 22º, depois de uma prova complicada pelo toque sofrido na traseira do carro que fechou o escapamento e roubou potência do motor. Mesmo assim, realizou várias ultrapassagens antes de ser obrigado a uma parada extra nos boxes para trocar o pneu esquerdo traseiro furado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *