Stock: Cacá Bueno conquista a pole position no CAB

O tricampeão, vencedor no ano passado, foi o melhor da Super Pole Pioneer

Cacá Bueno largará na pole position no GP Bahia Stock Car, válido pela sexta etapa da Copa Caixa Stock Car. O piloto da Red Bull Racing (Peugeot), tricampeão da categoria e vencedor na Bahia em 2009, garantiu o lugar de honra no grid do circuito de rua Ayrton Senna, montado no Centro Administrativo da Bahia – CAB. Cacá fez a volta nos 2,724 metros com o tempo de 1min09seg499. Com a conquista, ele ainda recebeu o prêmio de R$ 10 mil reais da Super Pole Pioneer.

A segunda colocação ficou com Duda Pamplona, da Officer ProGP (Chevrolet), com 1min09seg589, enquanto Alan Hellmeister, da JF Racing (Peugeot), melhor da sexta-feira no CAB, ficou em terceiro, 1min09seg601. A sexta etapa da Copa Caixa Stock Car será mostrada ao vivo pela Rede Globo de Televisão, dentro do Esporte Espetacular, a partir das 11h.

O pole position da sexta etapa da Copa Caixa Stock Car voltou a sorrir e comemorou. “Estou feliz pelo resultado de hoje. É algo que aumenta o nível de confiança, e isso para o piloto pode significar três preciosos décimos”, enfatizou. “É bom poder voltar a brigar pelas posições e largar na frente é sempre importante.O ano não está muito bom para nós, mas a gente nunca desistiu da briga pelo título. É uma nova motivação à equipe e pode nos ajudar na recuperação da classificação”, destacou Cacá Bueno.

O piloto, vencedor em 2009 , também salientou positivamente as mudanças no traçado baiano. “O circuito de Salvador, perto de Ribeirão Preto, parece um autódromo. As mudanças na pista, como a largura que agora é maior, permitem que a corrida aqui seja mais movimentada do que foi no interior de São Paulo”, elogiou. “Mas temos que lembrar que isso é um circuito de rua, e em provas desse tipo as ultrapassagens são naturalmente mais difíceis”, finalizou.

O sábado teve outros destaques, como o desempenho de Duda Pamplona, que obteve um lugar na primeira fila, um resultado importante em um circuito de rua. Além de Alan Hellmeister, o melhor da sexta-feira, que continuou andando bem também no treino classificatório. O líder Átila Abreu, da AMG Motorsport (Chevrolet), melhorou um pouco em relação à sexta-feira, mas estará na nona fila, da 18a posição.

O grid da sexta etapa ficou assim:

1º) Cacá Bueno, 1:09.499 (Peugeot)
2º) Duda Pamplona, 1:09.589(Chevrolet)
3º) Alan Hellmeister, 1:09.601(Peugeot)
4º) Thiago Camilo, 1:09.729(Chevrolet)
5º) Nonô Figueiredo, 1:09.849(Chevrolet)
6º) Max Wilson, 1:09.943(Chevrolet)
7º) Valdeno Brito, 1:09.998(Chevrolet)
8º) Popó Bueno, 1:10.068 (Chevrolet)
9º) Ricardo Mauricio, 1:10.110(Chevrolet)
10º) Marcos Gomes, 1:10.203(Peugeot)
11º) Daniel Serra, 1:10.210(Peugeot)
12º) Felipe Maluhy, 1:10.229(Chevrolet)
13º) Thiago Marques, 1:10.266(Chevrolet)
14º) Ricardo Zonta, 1:10.287(Chevrolet)
15º) Julio Campos, 1:10.298(Peugeot)
16º) Antonio Pizzonia, 1:10.319(Chevrolet)
17º) Cláudio Ricci, 1:10.355(Peugeot)
18º) Átila Abreu, 1:10.360 (Chevrolet)
19º) Ricardo Sperafico, 1:10.418 (Chevrolet)
20º) Xandinho Negrão, 1:10.457(Chevrolet)
21º) Lico Kaesemodel, 1:10.506(Peugeot)
22º) Allam Khodair, 1:10.535(Peugeot)
23º) Alceu Feldman 1:10.547(Peugeot)
24º) Pedro Gomes, 1:10.792(Chevrolet)
25º) Giuliano Losacco, 1:10.827(Peugeot)
26º) Christian Fittipaldi, 1:10.927(Chevrolet)
27º) David Muffato, 1:11.009(Peugeot)
28º) Juliano Moro, 1:11.096(Peugeot)
29º) Wilian Starostik, 1:11.532(Chevrolet)
30º) Luciano Burti, 1:11.583(Peugeot)
31º) Gustavo Sondermann, 1:11.609(Chevrolet)
32º) Rodrigo Sperafico, 1:11.737 (Peugeot)
33º) Antonio Jorge Neto, 1:13.239(Chevrolet)
34º) Diego Nunes, 1:13.846(Peugeot)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *