Stock: Cacá Bueno fala sobre o gesto que fez na corrida de Brasília

O bicampeão Cacá Bueno, da equipe Eurofarma RC, abandonou a prova na 23ª volta por um problema na suspensão.

Ao descer do carro e se dirigir aos boxes, Cacá foi ofendido com palavras de baixo calão por pessoas que estavam em um camarote localizado em cima dos boxes da Medley e da Eurofarma. O piloto fez um gesto, que pode ter sido mal interpretado por algumas pessoas que presenciaram o fato. Cacá pede desculpas àqueles que não faziam parte deste grupo e se sentiram ofendidos com o sinal.

“O sinal não foi feito para a arquibancada ou para os telespectadores. Ele foi feito para pessoas que estavam em um camarote localizado em cima do meu box e do da Medley. Quando saí do carro fui ofendido com palavras de baixo calão pelas pessoas que lá se encontravam e foi para elas que fiz o gesto. As pessoas que estavam neste local eram convidadas, ou seja, não pagaram para estar lá, diferentemente de quem estava na arquibancada. Aceito tranquilamente qualquer tipo de manifestação da arquibancada, pois eles sim pagam para ver a corrida e dividem conosco a paixão pelo automobilismo. Contudo, fui ofendido por convidados que estavam no nosso local de trabalho. Quando sou convidado para ir à casa dos outros não ofendo ninguém. Gostaria de ser respeitado da mesma forma pelos convidados dos camarotes”, explica o piloto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *