Stock: CBA altera formato da classificação

Após ouvir pilotos e equipes, a Confederação definiu mudanças no regulamento desportivo, entre elas o sistema de classificação.

A Confederação Brasileira de Automobilismo divulgou na tarde desta segunda-feira, dia 24, algumas alterações no Regulamento Desportivo da Stock Car V8, que passam a valer já para a segunda etapa, programada para o dia 30 de abril, em Curitiba. Após ouvir equipes e pilotos, a entidade resolveu fazer mudanças no limite do número de participantes em cada etapa (artigo 24) e nos treinos livres e classificatórios (artigo 57) para a principal categoria do automobilismo nacional.

Com relação ao número de carros em cada prova, ficou determinado que as corridas realizadas em Interlagos (SP), Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ), Campo Grande (MS), Brasília (anel interno) e Santa Cruz do Sul (RS) poderão ter até 43 carros, enquanto as pistas de Londrina (PR), Brasília (anel externo) e Tarumã (RS) terão um limite máximo de 40 carros.

Já no que diz respeito aos treinos livres e classificatórios, o novo formato inclui um treino livre em dois grupos de 45 minutos cada na sexta-feira, e dois treinos classificatórios, um na sexta e outro no sábado, com 90 minutos cada. Cada carro poderá dar, no máximo, 15 voltas registradas pela cronometragem oficial em cada treino, sendo que aquele que ultrapassar esse limite será penalizado com a perda da melhor volta obtida na sessão. Esse número de voltas foi definido para se evitar o congestionamento de carros.

A CBA ainda determinou que as irregularidades técnicas ou atitudes anti-desportivas que acontecerem durante os Treinos Classificatórios ou na Super Classificação serão punidas com a perda de todos os resultados obtidos, ficando o piloto infrator proibido de continuar participando dos treinos programados, acrescido de uma pena pecuniária de 50 UPs.

A Stock Car Brasil tem realização e organização da Vicar Promoções, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo. Os patrocínios são de Chevrolet, Volkswagen e Pirelli e co-patrocínio da Bosch, Mitsubishi, Texaco e Medley. Apoios de Cobreq, Fremax, Transzero e Binno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *