Stock: Duda e Nonô preparados para a estréia do novo Stock Car

Duda Pamplona e Nonô Figueiredo consideram-se preparados para a grande novidade da Stock Car em 2009: a estréia do novo carro da categoria, mudança que deverá afetar o método de trabalho de pilotos e equipes.

Ao final do biênio 2007/08, quando a equipe Officer Motorsport passou a contar com dois pilotos, o balanço do time foi considerado positivo: nas duas temporadas o time de Petrópolis conseguiu resultados bastante expressivos com Pamplona e Figueiredo e terminou ambos os campeonatos na frente de equipes que tiveram pilotos no playoff. Estes bons resultados animam a escuderia para a temporada que inicia dia 29 de março no Autódromo de Interlagos, a trigésima primeira da história da categoria e que marca a adoção de um novo chassi.

A principal novidade do novo Stock Car é o seu conceito técnico, semelhante ao utilizado na categoria DTM da Alemanha e cujas principais características, segundo o engenheiro responsável pelo projeto, Gustavo Lehto, são “um carro seguro, moderno e eficiente”. Seguro porque, entre outros detalhes, utiliza o mesmo banco de alumínio da Nascar americana e oferece mais proteção ao piloto; sua modernidade é garantida por soluções técnicas atuais e eficientes porque nos testes realizados mostrou ser mais rápido que o modelo atual.

A nova máquina também terá mais potência: o motor desenvolverá 480 cv, ou seja, 30 a mais que o modelo utilizado na temporada passada, o que garante mais emoção na principal categoria do automobilismo brasileiro. Nonô Figueiredo, piloto com ampla experiência internacional, acredita que o novo carro representa uma importante evolução na Stock Car:

“Essa mudança é muito boa: teremos uma máquina tecnicamente mais evoluída, o que vai exigir mais dos pilotos e equipes.”

Em 2007 Duda Pamplona conquistou, no Rio de Janeiro, sua primeira vitória na categoria e no ano passado o carioca largou na pole position em Santa Cruz do Sul e foi o terceiro colocado em Brasília. Piloto e proprietário da equipe, ele acredita que o carro mais moderno proporcionará facilidades para os engenheiros e mecânicos:

“Além de um avanço tecnológico significativo, as características técnicas do novo Stock Car facilitarão o trabalho dos mecânicos e engenheiros no acerto para cada circuito.”

Inspirado pelo ótimo resultado obtido no último ano, quando foi um dos pilotos que mais marcou pontos nas quatro últimas etapas, Duda tem um objetivo bem definido para esta temporada:

“Em 2009 pretendemos entrar com força total nas oito primeiras etapas, este é o segredo para colocar os dois carros no playoff, nosso principal objetivo para este ano.”

O diretor esportivo da Officer Motorsport, Fábio Gaia, acredita que a receita para ter uma equipe vencedora em uma categoria tão disputada quanto a Stock Car requer três ingredientes básicos:

“Um carro confiável, um bom desempenho e a regularidade nos resultados são os principais ingredientes para formar uma equipe campeã. Estou seguro que reunimos estes elementos e vamos comprovar isso com resultados sólidos em 2009.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *