Stock: Duda Pamplona larga em sexto nas ruas de Salvador

Nonô fica com a 17ª posição do grid.

Duda Pamplona conquistou hoje (8 de agosto), em Salvador (BA), a sexta posição do grid de largada da primeira prova de rua da história do Campeonato Brasileiro de Stock Car, com o tempo de 1m07s813. O companheiro de Duda na equipe Officer Motorsport, Nonô Figueiredo, que nos treinos livres de sexta-feira foi o terceiro mais rápido, marcou o tempo de 1m07s816 e larga da 17ª posição.

 

Para Duda o mais importante é fazer uma prova tranquila e manter o ritmo, para continuar somando pontos que serão importantes na corrida rumo ao playoff:

 

“Espero manter um ritmo bom, para conquistar mais alguns pontos no campeonato e subir na tabela de classificação. O mais importante é fazer uma corrida tranquila sem me envolver em nenhum acidente. O nosso desempenho vem melhorando longo da temporada e acredito que, daqui para frente iremos melhorar ainda mais, pois ainda temos chances de classificação para o playoff.”

 

Para aumentar a segurança dos pilotos da principal categoria do automobilismo brasileiro e diminuir o risco de acidentes, foi instalada uma chicane na pista, que obriga os competidores diminuir a velocidade. Para Duda Pamplona a solução foi acertada, mas atrapalha muito quando algum piloto se choca nos pneus que compõem a chicane, além do calor que é muito desgastante:

 

“Acredito que a organização acertou em adotar a chicane, mas se alguém bater nela durante a prova pode atrapalhar um pouco nossa corrida. Outra coisa que pode servir de obstáculo na etapa é a alta temperatura da pista, pois complica no acerto do carro, além disso, tem o calor que faz dentro do carro, o que nos deixa muito cansados.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *