Stock: Em Campo Grande, Ana Lima volta a “correr em casa” na Stock Jr

Para a única mulher na categoria, pista sul-mato-grossense é uma das mais técnicas do calendário. Quinta etapa do campeonato será disputada no próximo sábado (5/7).

No ano em que vive a difícil fase de transição do motovelocidade para o automobilismo, a paulista Ana Lima (AGV/Fit/Ajinomoto) dará no próximo fim de semana mais um passo importante em seu aprendizado sobre quatro rodas. Campeã brasileira de motovelocidade em 2005, a piloto volta para uma das pistas em que mais competiu sobre duas rodas, o circuito do Autódromo Internacional Orlando Moura, em Campo Grande (MS), desta vez para a quinta etapa da Stock Júnior.


 


“Corri de moto em Campo Grande em todas as temporadas em que disputei o Brasileiro de Motovelocidade, e posso dizer que conheço bem a pista. Acho que este é um dos circuitos que exigem mais técnica do piloto depois de São Paulo e Santa Cruz do Sul”, avalia a piloto.


 


Com um 10º lugar – conquistado na última etapa, em Santa Cruz –, Ana Lima destaca o processo de evolução que atravessa, e se sente confortável em sua fase de adaptação a Stock Jr.


 


“Sempre evoluí muito rápido nas categorias na motovelocidade em que competi, e este processo de adaptação ao automobilismo, que é mais lento, é um pouco estranho. Apesar disso, estou muito satisfeita com o quanto tenho conseguido melhorar a cada etapa, e Campo Grande será mais um passo nesse desafio”, comenta a piloto de 28 anos.


 


A capital sul-mato-grossense recebe a partir desta quinta-feira (3/7) o circo da Stock Car, que chega com três categorias: a Copa Nextel Stock Car, a Pick-up Racing e a Stock Júnior. Os treinos que definem o grid de largada serão realizados na sexta-feira e as provas, durante o sábado (5/7) no autódromo Orlando Moura. Na Júnior, o líder do campeonato é o baiano Patrick Gonçalves.


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *