Stock: Ingo não pontua, mas não se abala

Alemão chega a figurar na zona de pontos, mas é envolvido em acidente e abandona.

A meta de passar ileso na primeira curva, depois de largar na 22ª. posição, foi atingida. Porém, Ingo Hoffmann não conseguiu ainda marcar seus primeiros pontos no campeonato, em função de um acidente que o tirou da prova, na 3ª. etapa da Copa Nextel Stock Car, realizada hoje, em Curitiba. Mesmo assim, o maior vencedor da categoria, que anunciou sua despedida esse ano não se abala. “Quero fazer uma temporada alegre, não vou me estressar”. A vitória ficou com Ricardo Maurício.

Vindo da 22ª. posição no grid, Ingo fez uma largada espetacular, subindo para 15º lugar na primeira volta. Em função das muitas confusões e acidentes, Ingo foi se mantendo na pista e ganhando posições. Na volta 22 de 52, já figurava na 11ª. posição, quando abriu a janela para reabastecimento. Ao sair, acabou batendo no carro de Felipe Maluhy, mas continuou na pista. Porém, na volta 44, um outro incidente tirou Ingo da prova.

“Na saída do abastecimento, no Esse, tinha uma confusão de carros e acabei batendo no Maluhy, um incidente de corrida… Isso afetou meu carro, a manga de eixo dianteira esquerda e fui perdendo posições. Até que um toque do Thiago Marques acabou me tirando de vez da prova… Claro que não era o que esperava, viemos aqui com o objetivo de pontuar, mas por outro lado não quero me estressar. Vou fazer uma temporada de despedida alegre”, comentou Ingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *