Stock: JF Racing tem ‘domingo para esquecer’ em Curitiba

Campos abandona no início com furo no radiador depois de levar toque e Hellmeister fica sem direção hidráulica a cinco voltas da bandeirada.

A segunda etapa Copa Caixa Stock Car foi marcada por problemas para os pilotos da JF Racing. O paulista Alan Hellmeister e o paranaense Júlio Campos abandonaram a corrida da manhã deste domingo (11) no Autódromo Internacional de Curitiba, que teve vitória de Allam Khodair e manteve Max Wilson na liderança da tabela de pontos. O campeonato terá sequência no dia 2 de maio, marcando a inauguração do autódromo gaúcho Velopark.

Campos, paranaense melhor posicionado no grid, em 11º, deixou a prova logo na quinta volta. “Levei um toque de outro carro logo na largada, meu radiador furou e tive que parar. Foi uma pena, porque a chance de terminar de novo entre os dez primeiros era real”, considerou o piloto, que conquistou a oitava posição na prova de duas semanas antes, que deu início à temporada em São Paulo. Ele caiu para o 13º lugar na classificação do campeonato.

Hellmeister, que buscava os primeiros pontos no campeonato, sofreu com a quebra do sistema da direção hidráulica do carro. “Não havia como continuar na pista”, lamentou. O paulista enfrentou um inconveniente adicional em Curitiba. Um pedaço de plástico agarrou-se à entrada de ar dianteira de seu carro, provocando distorções nas informações enviadas ao sistema de gerenciamento eletrônico do motor. O resultado do contratempo era a diminuição da potência.

“Este foi um domingo para esquecermos”, resignou-se o chefe da equipe, Jorge Freitas, cujos carros exibem as cores e logomarcas de Banco BVA, Cosan e Proauto. “Enfrentamos problemas que fogem ao nosso controle. No caso do Alan, por exemplo, uma pedra acabou atingindo a conexão do hidráulico da direção e fez vazar todo o óleo. Vivemos coisas ruins na corrida de hoje, a próxima etapa vai nos trazer coisas boas”, finalizou o chefe de equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *