Stock Jr.: Cássio Homem de Mello continua na briga pelo título

No último final de semana (2 e 3), foi a vez do autódromo internacional de Santa Cruz do Sul (RS) receber a 7ª etapa do campeonato da Stock Jr. O piloto da categoria Pro, Cássio Homem de Mello (Terra / LoJack/Instituto Barrichello-Kanaan/GFS), conquistou o 5º e o 4º lugar nas corridas de sábado e domingo, respectivamente, e garantiu pontos importantes para o certame.


Cássio iniciou a 13ª corrida em 10º no grid e logo após a largada recebeu um toque de João Federowicz, que prejudicou seu rendimento durante a disputa. Mesmo assim, o paulista se manteve longe dos acidentes, fez ótimas ultrapassagens, terminando em 5º.

“Logo depois que ultrapassei o João, ele errou o ponto freada da curva 1 e não conseguiu fazê-la, me arrastando junto com ele para fora da pista. O toque deixou o meu carro desalinhado e perdi várias posições. Diante disso, estar entre os cinco primeiros foi um bom resultado”, comentou o paulista de 21 anos.

No domingo, o piloto correu com fortes dores no peito depois de ter sido atingido por pesadas estruturas metálicas de sustentação da barraca, que abrigava os carros da Stock Jr. Isso aconteceu no final da tarde de sábado (2) quando ventos de cerca de 120 km/h atingiram o autódromo e causaram grande transtorno. Mesmo assim, Cássio manteve um bom ritmo durante a disputa e conquistou a 4ª colocação.

“Tive um trauma em três costelas e na musculatura da região torácica. Mas, precisava correr para garantir alguns pontos. Fiz uma boa largada, realizei ultrapassagens e quando ocupava a terceira posição recebi um toque involuntário do Caio Travaglini digno de punição, mas que não aconteceu. Com isso, perdi várias posições e, mesmo fazendo uma corrida de recuperação, fiquei de fora do pódio”.

Com o resultado da rodada do final de semana, Cássio ocupa agora a 5ª posição no campeonato, com 585,5 pontos. Mas, muita coisa pode mudar já que no final da temporada serão descartados os dois piores resultados do ano.

“Segundo meus cálculos, se o descarte fosse feito hoje, eu estaria em segundo lugar. Ainda temos mais cinco etapas e vou lutar para conquistar o título desta temporada”, finalizou.

A 15ª e a 16ª disputas da Stock Car Jr. acontecem nos dias 23 e 24 de setembro em Brasília, Distrito Federal.

Confira os melhores na rodada dupla da Stock Jr.:

13ª prova
1º) Thiago Riberi (SP), 10 voltas em 19min01s556
2º) Felipe Polehtto (RJ), a 0.043
3º) Guilherme de Conto (PR), a 0.336
4º) Cauê Carvalho (SP), a 0.655
5º) Cássio Homem de Mello (SP), a 4s019
6º) Felipe Massoni (SP), a 4s504
7º) Linneu Linardi (SP), a 4s647*
8º) João Federowicz (MT), a 6s887*
9º) Amílcar Colares (RJ), a 7s256*
10º) Jason Oliveira (SP), a 4 voltas*

14ª prova
1º) Guilherme de Conto (PR), 10 voltas em 18:49.574
2º) Felipe Polehtto (RJ), 18:49.688
3º) Jason Oliveira (SP), 18:55.154*
4º) Caio Travaglini (SP), 18:55.655
5º) Cássio Homem de Mello (SP), 18:55.777
6º) Felipe Massoni (SP), 18:56.245
7º) Rafael Negrão (SP), 19:00.452
8º) João Federowicz (RJ), 19:05.763*
9º) Linneu Linardi (SP), 19:06.474*
10º) Pedro Boesel (PR), a 1 volta
11º) Thiago Riberi (SP), a 7 voltas

*Categoria Master

Confira a atual classificação do campeonato após 14 etapas (categoria Pro):

1. Felipe Polehtto 708.5 pontos
2. Cauê Carvalho 677,5
3. Thiago Riberi 607
4. Guilherme de Conto 595
5. Cássio Homem de Mello 585,5
6. Rafael Negrão 530,5
7. Pedro Boesel 477
8. Caio Travaglini 440
9. Adriano Griecco 252,5
10. Emerson Reck 189,5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *