Stock Jr.: Nordeste brilha no Sul

O baiano Patrick Gonçalves venceu a etapa de Santa Cruz do Sul, com o pernambucano Sérgio Ramalho chegando em segundo.

Em pleno frio gaúcho, os pilotos nordestinos que disputam a Stock Jr. foram os destaques da quarta etapa da temporada, disputada neste domingo, no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul. O baiano Patrick Gonçalves foi o nome da prova, garantindo o topo do pódio, seguido pelo pernambucano Sérgio Ramalho e pelo paulista Daniel Pflaumer. Patrick completou as 15 voltas com o tempo de 30min29seg800, com média de 104.17 km/h, enquanto Ramalho marcou 30min34seg599 e Pflaumer 30min36seg527. A próxima etapa da Stock Jr. acontece no dia 05 de julho em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.


Com o resultado deste domingo, a liderança é de Patrick Gonçalves, com 98 pontos. Na segunda colocação está com Lucas Finger, com 83 pontos, enquanto na terceira está Daniel Pflaumer, com 62 pontos. O baiano também liderando a Classe Master, com 114 pontos, enquanto Rodrigo Barone está em segundo, 67, e Marcelo Munhoz em terceiro, 62.


Largando na terceira posição do grid, Patrick se envolveu numa confusão com Lucas Finger logo na primeira volta, caindo para as ultimas posições e teve que fazer uma prova de recuperação. “Foi muita sorte eu ter chegado até o fim da prova. Eu me envolvi em uma batida com o (Lucas) Finger, no final da reta depois de o (Sergio) Ramalho ter largado muito mal e ter deixado todo mundo pelo lado de fora e com pista suja”, afirmou.


Já pensando nas sete etapas restantes do campeonato e de olho em uma vaga na Copa Vicar no próximo ano, Gonçalves destacou o equilíbrio da categoria. “A Stock Jr é muito equilibrada e qualquer piloto pode ganhar uma corrida. Ainda estamos no começo do campeonato e tudo pode acontecer, tenho que me aperfeiçoar mais para pensar em entrar nas outras categorias”, finalizou.


A prova de Ramalho não foi fácil. Ele teve de largar com o carro reserva e ainda sofreu com a dor no pulso, problema que impediu sua participação na etapa de Curitiba. Saindo em primeiro ele não teve muita sorte e, logo na primeira curva acabou sendo tocado por muita gente. “Eu sai para a corrida com o carro reserva, não tive tempo de arrumar o espelho retrovisor”. “Não consegui largar muito bem e a primeira curva foi um tumulto muito grande e tomei vários toques. Felizmente, consegui chegar em segundo”, completou o pernambucano.


Classificação da quarta etapa da Stock Jr. após 15 voltas:


1º) Patrick Gonçalves (*, BA), 15 voltas em 30min29seg800 (média de 104.17 km/h)
2º) Sergio Ramalho (, PE), a 4.798
3º) Daniel Pflaumer (SP), a 6.726
4º) Lucas Finger (PR), a 7.632
5º) Rodrigo Barone (*, SP), a 17.367
6º) Leonardo Medrado (*, RJ), a 19.070
7º) Beto Cavaleiro (*, SP), a 20.452
8º) Marcelo Munhoz (*, SP), a 22.626
9º) Felipe Granzotto (SP), a 25.727
10º) Ana Lima (, SP), a 35.043
11º) Rafael Negrão (SP), a 1:26.551
12º) Pedro Boesel (PR), a 1 volta
13º) Alessandro Xavier (*, PR), a 2 voltas
14º) João M Carvalho (*, SP), a 12 voltas


Melhor Volta: Patrick Gonçalves, 1:38.226

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *