Stock Light: Equipes fecham últimas vagas para 2006

Na temporada de 2005, a Stock Car V8 Light teve uma média de 29 carros por corrida, número que as equipes acreditam que será mantido ou até superado neste ano. A categoria tem revelado vários pilotos para o automobilismo brasileiro e vários deles já fazem sucesso na Stock Car V8, como Giuliano Losacco, bicampeão brasileiro da Stock Car V8, Thiago Camilo, Guto Negrão, além de vários campeões da Stock Light como Cacá Bueno, Thiago Marques, Mateus Greipel, Nonô Figueiredo, Luis Carreira Jr. e Diogo Pachenki, o primeiro campeão da Era V8 Light.


“A Stock Car V8 Light é uma excelente escola para os pilotos jovens. Eles adquirem seu primeiro contato com carros de Turismo potentes e semelhantes aos Stock Car V8, o caminho natural para seguirem carreira”, disse Carlos Col, presidente da Vicar, promotora e organizadora do Campeonato Brasileiro de Stock Car.

Quatro novas equipes chegaram à categoria, todas com pilotos estreantes. Gustavo Sucolotti está garantido na GS Racing, Alcides Moreira vai correr pela Nordeste Racing, Murillo Macedo será o piloto da J. Racing assim como Leonardo Burti, irmão de Luciano Burti, ocupará o cockpit da A. Guaraná Sports, equipe do ex-piloto Alfredo Guaraná.

Ainda permanecem na categoria Paulo Roberto Bonifácio, o Boni, na Hot Car, Rafael Daniel na W2, William Starostik e José Figueirôa na M4T Motorsport. Vários outros pilotos também já acertaram com as equipes, mas ainda não fizeram suas inscrições oficialmente.

Jayme Silva Racing, Manzini Competições, Escuderia Lobo, PowerTech, HM Competições, Full Time, Officer Pamplona’s, OS Sports, FF Competições, Carreira Racing e RC Competições ainda conversam com pilotos e negociam para a temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *