Stock Light: Rafael Sperafico vence em Campo Grande

Largando na pole position, o paranaense Rafael Sperafico venceu a primeira na categoria além de marcar a melhor volta da prova.

Com um desempenho impecável, o paranaense Rafael Sperafico venceu a terceira etapa da Stock Car Light, realizada na manhã deste domingo, no Autódromo Internacional de Campo Grande.  O piloto da equipe FTS Competições largou na pole, manteve a posição e fechou a prova com mais de 12 segundos para o segundo colocado, completando as 24 voltas em 41min30seg428, média horária de 119,10 km/h. A festa da FTS foi completa no pódio, garantindo a segunda colocação com o paulista Gustavo Sondermann, que marcou 41min42seg741, e a terceira, com Ângelo Serafin, também de São Paulo e que substituiu Otávio Mesquita, 41min46seg203.

Os três melhores do Brasileiro de Stock Car Light até o momento são Norberto Gresse Filho, da AMG Motorsport, agora com 44 pontos, seguido de Diogo Pachenki, da Brasil Sat, com 35, e Rafael Daniel, da W2, com 34. A próxima etapa será no dia 17 de junho, em São Paulo, no Autódromo Internacional José Carlos Pace.

A disputa da terceira etapa de 2007 teve seu início ainda no sábado, no treino classificatório. Com a pole garantida, Rafael Sperafico precisou apenas manter a concentração para conseguir sua primeira vitória na temporada. Ele manteve a pole na largada e na relargada, após a entrada do Safety Car, e só fez abrir em relação aos demais pilotos. Sem dúvida, foi uma apresentação muito positiva em um final de semana perfeito.

“Essa vitória começou na classificação. Minha equipe, comandada pelo Maurício, me deu um grande carro e pude chegar ao topo do pódio mantendo a concentração. Agora entramos na briga pelo título de 2007, pois o carro está muito bom”, declarou Sperafico. “Tanto assim que o pódio foi todo nosso”, completou o vencedor, natural da cidade de Toledo (PR).

Sondermann também estava feliz com o resultado. Afinal, ele somente foi batido por seu companheiro de equipe e ainda pode festejar a boa performance de Angelo Serafin, também da FTS Competições. “Estou muito contente mesmo, pois o carro se comportou muito bem. O que dizer de uma final de semana no qual temos o três pilotos da equipe no pódio? Só nos basta festejar”, declarou o paulista.

Serafin, que fez a prova substituindo Otávio Mesquita, espera que o resultado alcançado renda frutos.  Ainda mais depois de ter conseguido o terceiro lugar a alguns metros da linha de chegada. “Estava seis meses sem andar e, mesmo assim, consegui chegar o pódio. Estou na espera e contando com a repercussão deste feito”, disse o tímido piloto.

Confira o resultado final da etapa de Campo Grande (MS):

1º) Rafael Sperafico (PR), 24 voltas em 41:30.428 (média de 119.10 km/h)
2º) Gustavo Sondermann (SP), a 12.312
3º) Angelo Serafim (SP), a 15.774
4º) Eduardo Santos (RJ), a 16.487
5º) Ariel Barranco (PR), a 21.242
6º) Norberto Gresse F° (SP), a 22.117
7º) Renato Russo (SP), a 25.679
8º) Tiago Gonçalves (SP), a 27.818
9º) Caio Travaglini (SP), a 39.016
10º) Rafael Daniel (SP), a 43.901
11º) Afonso Bastos (SC), a 52.801
12º) André Bragantini (MS), a 59.084
13º) Claudio Gontijo (SP), a 59.224
14º) Filipe Nogueira (SP), a 59.619
15º) Leandro Romera (SP), a 1:00.306
16º) Diogo Pachenki (PR), a 1:06.173
17º) Elias Nascimento Jr (RJ), a 1:11.350
18º) Eduardo Borges (PB), a 1:14.761
19º) Rodrigo Stefanini (SP), a 1:16.526
20º) Serafin Junior (RJ), a 1:19.479
21º) José Castilho (PR), a 1:21.925
22º) Fernanda Parra (SP), a 1 volta
23º) Cristiano Federico (SP), a 7 voltas
24º) Leonardo Gomes (SP), a 7 voltas
25º) Cadú Pasetti (SP), a 17 voltas
26º) Leonardo Burti (SP), a 18 voltas
27º) Lucas Molo (RJ), a 23 voltas


Melhor Volta: Rafael Sperafico, 1:33.465

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *