Stock: Luciano Burti pontua em Brasília

Neste domingo (09), Tarso Marques fez um bom início de prova, mas foi obrigado a abandonar após levar um toque.

A disputa da 10ª corrida de 2008 da Copa Nextel Stock Car, realizada na manhã deste domingo (09), no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF), encerrou o antepenúltimo final de semana de competições da categoria na temporada. Luciano Burti e Tarso Marques, da equipe SKY Racing, fecharam a prova em condições opostas.


Burti, que largou na 25ª colocação, conseguiu fazer uma boa corrida de recuperação e terminou a disputa em 15º, somando mais um ponto no campeonato. Com o resultado, o piloto paulista, que chegou a ser vice-líder da prova na abertura para reabastecimento, passou a figurar na 13ª posição da tabela de classificação.


“Largar atrás é muito complicado. No início, me preocupei mais em administrar a posição do que atacar e correr o risco de sofrer acidente. O carro foi se mostrando bom durante a corrida e ganhei algumas colocações. Retardamos a entrada no box, pois achei que ganharia mais posições depois do pit stop. Mas isso não aconteceu e voltei para a pista ainda sem arriscar muito. Depois de todos os problemas que tivemos no final de semana, seria importante completar a prova. No fim, valeu à pena porque acabei marcando um pontinho. O importante agora é trabalhar para classificar melhor na próxima etapa”, disse Burti, que soma 37 pontos na competição.


Ao contrário de seu companheiro, Tarso não teve condições de terminar a prova. O piloto paranaense, que havia iniciado a disputa em 32º, apresentou uma ótima performance no começo da corrida, ganhando 13 posições nas primeiras oito voltas. No entanto, um pouco mais tarde, o competidor sofreu uma batida de Alceu Feldmann e foi obrigado a abandonar devido à quebra da suspensão de seu carro, quando era o 18º.


“Larguei super bem e ultrapassei dez carros. Não entendi o que o Alceu (Feldmann) quis fazer, pois nós estávamos na reta, não era uma disputa por posição e ele acabou me acertando. Foi uma pena porque o carro estava bom, rápido, e daria para pontuar”, lamentou Tarso Marques, 29º do campeonato com 11 pontos.


O vencedor da 10ª etapa foi Ricardo Maurício, da Medley, que também assumiu a liderança do campeonato. Marcos Gomes, seu companheiro de equipe, em segundo, e Duda Pamplona, da Officer Pamplona’s, em terceiro, completaram o pódio em Brasília.


A terceira das quatro corridas da Super Final – 11ª etapa da temporada – será realizada no próximo dia 23, em Tarumã (RS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *