Stock: Maluhy, em nono, e Sperafico, em 13º, marcam pontos em Interlagos

Pilotos atingem meta, depois dos problemas no treino classificatório. Marcos Gomes é o vencedor da 1ª etapa

Missão cumprida. Esse é o sentimento dos pilotos Felipe Maluhy e Rodrigo Sperafico, da equipe Terra Racing, após a disputa da 1ª etapa da temporada 2008, neste domingo (dia 13), no autódromo de Interlagos, em São Paulo. Depois de largar em 26º, Maluhy ganhou 17 posições e cruzou a linha de chegada em nono. Sperafico, que partiu do 23º posto, foi o 13º colocado e também marcou pontos.


A vitória ficou com o paulista Marcos Gomes, da equipe Medley, que completou 25 voltas em 50min59s920. Thiago Camilo, em segundo, e Cacá Bueno, em terceiro, também subiram ao pódio. O pole position Ingo Hoffmann abandonou ainda na primeira volta, com problemas no carro.


A corrida também foi marcada por dois acidentes, com a entrada do Safety Car logo nas primeiras voltas. O mais impressionante foi o de Thiago Marques, que bateu forte na barreira de pneus, mas felizmente o piloto saiu ileso do carro.


Após os problemas no classificatório, Maluhy ficou satisfeito com o resultado. “O carro estava muito bom. Mudamos bastante as coisas que acreditávamos que estavam erradas na classificação e o carro melhorou”, declarou Maluhy. “Tive um problema no câmbio durante a corrida, mas consegui administrar e chegar nos pontos, que era o nosso objetivo. Pra falar a verdade, estar entre os 10 foi até melhor do que eu imaginava”.


Já o companheiro Sperafico poderia lutar por um resultado ainda melhor, mas teve problemas com o nitro (dispositivo que despeja uma potência extra de 60 cavalos aos 450 do motor da Stock). “O nitro estourou logo no começo e não pude utilizá-lo”, explicou o paranaense, atual vice-campeão. “Ainda precisamos trabalhar o carro para ficar mais competitivo, mas foi bom atingir o objetivo de estar na zona de pontos. Conseguimos escapar ilesos dos acidentes e marcar alguns pontinhos”, completou.


Uma das novidades na prova foi a volta do reabastecimento, que acabou sendo decisivo na vitória de Marcos Gomes. A equipe retardou o seu reabastecimento e o piloto conseguiu voltar na frente dos líderes.


“Sempre fui a favor do reabastecimento. Acho que é um incremento a mais para a transmissão, além de integrar ainda mais a equipe no resultado da prova”, comentou Maluhy, que fez a sua parada na 10ª das 25 voltas disputadas.


A 2ª etapa da Copa Nextel Stock Car acontecerá em Brasília (DF) no dia 4 de maio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *