Stock: Mateus Greipel quer transformar bons fins de semana em pontos no campeonato

Piloto catarinense começa as etapas muito bem, mas ainda não pontuou nas três primeiras provas.

O piloto catarinense Mateus Greipel (Polipetro/União/Famossul), que compete no Campeonato Brasileiro de Stock Car V8 pela equipe RC3 Bassani quer aproveitar a etapa de São Paulo, neste fim de semana (01 e 02) para transformar boas atuações na pista em pontos na tabela. A 4ª etapa da competição será realizada no Autódromo de Interlagos. Mateus, até o momento, não pontuou na temporada. Mas observando todos os fins de semana de corrida, estar “zerado” na tabela não reflete a situação do piloto catarinense na categoria. “Começamos muito bem em todas as etapas. Em uma categoria onde os 25, 30 primeiros pilotos ficam separados por menos de 1s, estar sempre entre os 15 mais rápidos não é fácil. Foi assim até agora. Nas três primeiras corridas larguei entre os 15 primeiros. (12º em São Paulo, 13º em Curitiba e 14º em Campo Grande). Mas acidentes atrapalham. Temos que virar a sorte e marcar pontos”, explicou o catarinense campeão da Stock Light em 2002.

Neste intervalo de quase um mês sem corrida, Mateus Greipel manteve a forma andando de kart. Ficar parado somente esperando a corrida não seria uma boa idéia. “Temos que manter os reflexos e o condicionamento físico em dia. Não é porque tem esse intervalo que não penso no campeonato. Seria muito ruim chegar em São Paulo totalmente desligado da categoria”, disse Greipel.

Um ponto em especial Mateus Greipel chama a atenção para a prova de São Paulo. Será a primeira corrida que se repete na temporada depois da entrada do sistema de aquisição de dados (telemetria). Segundo o catarinense, todos poderão tirar muito proveito do sistema nesta corrida. “A primeira corrida em Interlagos as equipes ainda estavam conhecendo a telemetria. Agora, com mais duas corridas coletando dados, e com a base de São Paulo, com certeza o sistema vai ajudar muito no acerto do carro. Vou usufruir muito dos dados com os engenheiros da equipe”, finalizou Mateus Greipel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *