Stock: Motores começam a roncar na sexta-feira em Buenos Aires

A etapa argentina marca a abertura do Playoff que definirá o campeão de 2007

 


Agora vale título. A partir deste domingo, dia 14 de outubro, começa de fato a disputa pela Copa Nextel Stock Car 2007, a principal categoria do automobilismo nacional. O Autódromo Internacional Oscar Gálvez, em Buenos Aires, Argentina, recebe pilotos e equipes para a nona etapa da temporada, a primeira das quatro finais que fazem parte do Playoff. Além da briga pelo título, na qual estarão os dez pilotos mais bem colocados, a fase final da competição será importante para apontar as 16 equipes que participarão da Copa Nextel Stock Car 2008, o que torna a etapa argentina ainda mais especial. A corrida no domingo será realizada no circuito número 9, a partir das 10 horas (11 horas no Brasil), com transmissão ao vivo pela Rede Globo de Televisão.   


A programação oficial da nona etapa começa na sexta-feira, dia 12, com um treino extra, programado justamente em razão de ser a primeira vez que a categoria andará neste traçado, com 3.353 metros de extensão. No mesmo dia acontecerão outras duas sessões livres, uma pela manhã e outra à tarde, de 90 minutos cada, com máximo de 28 voltas. No sábado acontecerão o treino classificatório, das 11 às 12h30 e máximo de 16 voltas, e a Super Classificação, das 12h50 às 13 horas, que definirá o pole position da prova de domingo. Complementarão a programação do final de semana provas das categorias F4 Metropolitana e Turismo Pista.


Pela terceira vez consecutiva, a Stock Car correrá em Buenos Aires. Trata-se do resultado da parceria entre as duas principais categorias de turismo dos dois países, Copa Nextel Stock Car e TC2000, que possibilita o intercâmbio entre pilotos e equipes. Um bom exemplo dessa parceria pôde ser visto no último domingo, com a presença de oito pilotos brasileiros nos 200 Km de Buenos Aires, a principal prova do calendário argentino.


Líder da Copa Nextel ocupando a quinta colocação na TC2000, o carioca cacá Bueno, da Eurofarma RC (Mitsubishi), vai correr em seu circuito preferido e justamente no qual ainda não conseguiu vencer. “A prova da Stock Car será no meu circuito favorito do Autódromo Oscar Alfredo Gálvez, o número nove. É bem interessante, desafiador e mistura muito alta e baixa velocidades. Há duas curvas bem rápidas, que fazemos com a quarta e quinta marchas, seguidas por uma parte bem lenta e travada. O asfalto e as áreas de escape são ótimos”, explica Cacá, que ficou em segundo lugar no domingo, correndo ao lado do escocês Anthony Reid.


O Playoff valerá nas quatro últimas provas da temporada. Depois de Buenos Aires (14/10), seguem-se Tarumã (28/10), Rio de Janeiro (18/11) e São Paulo, (09/12).  O sistema de pontuação será o mesmo das provas anteriores, já que os pilotos que brigarão pelo título receberam uma nova pontuação (200 de bônus + a pontuação de uma prova + 1 por vitória obtida nas provas realizadas). Dessa forma, o líder Cacá Bueno, por exemplo, entra na briga com 227 pontos, total obtido com 200 pontos de bônus, 25 pontos da primeira colocação e dois pontos por duas vitórias conquistadas.
 
A classificação da Copa Nextel Stock Car é a seguinte:


1º) Cacá Bueno (Mitsubishi, RJ)  227 pontos (200 + 25 + 2)
2º) Ricardo Mauricio (Chevrolet, SP)  221 pontos (200 + 20 + 1)
3º) Thiago Camilo (Chevrolet, SP)  217 pontos (200 + 16 + 1)
4º) Ingo Hoffmann (Mitsubishi, SP)  214 pontos (200 + 14)
5º) Marcos Gomes (Chevrolet, SP)  212 pontos (200 + 12)
6º) Valdeno Brito (Peugeot, PB)  210 pontos (200 + 10)
7º) Daniel Serra (Volkswagen, SP)  209 pontos (200 + 9)
8º) Hoover Orsi (Volkswagen, MS)  209 pontos (200 +8 + 1)
9º) Felipe Maluhy (Mitsubishi,SP)  207 pontos (200 + 7)
10º) Rodrigo Sperafico (Volkswagen, PR)  207 pontos (200 + 6 + 1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *