Stock: Pilotos da SKY Racing enfrentam dificuldades e não pontuam na etapa de São Paulo

Tarso Marques sofreu com a falta de rendimento de seu carro. Luciano Burti foi obrigado a abandonar após a quebra do câmbio.

Assim como aconteceu na primeira etapa do ano, também realizada no Autódromo de Interlagos (SP), Marcos Gomes venceu a corrida deste sábado (2), equivalente à sexta disputa da Copa Nextel Stock Car. O pódio foi completado por Thiago Camilo e Cacá Bueno.


Para Tarso Marques e Luciano Burti, da SKY Racing, o carro foi o principal desafio desta etapa. Ambos os ex-pilotos de F-1 enfrentaram problemas desde o início dos treinos livres e hoje não foi diferente. Como conseqüência, Marques terminou em 29º e Burti abandonou.


O paranaense, que largou em 15º, teve de lidar com a falta de rendimento de seu carro, além de ser penalizado com um drive thru após um toque com Alceu Feldmann. “No início da prova o carro estava muito bom, mas depois da quarta volta as coisas começaram a piorar. Não encontramos o acerto ideal e perdia muita velocidade na reta. Acabei sendo penalizado também por ter batido no Feldmann, mas ele tentou me ultrapassar onde não dava e acabamos nos tocando”, explicou Tarso, 26º no campeonato, com 6 pontos.


Com problemas no câmbio, Burti foi obrigado a abandonar a 12 voltas para o final – de um total de 27. “O carro estava ótimo na primeira volta, mas na segunda passagem já senti uma trepidação que só piorou. Tentei continuar, só que chegou uma hora que não deu mais e tive que abandonar. Infelizmente, não marcamos pontos importantes para o campeonato e agora é pensar na prova do Rio”, comentou Luciano que figura em 12º, com 25 pontos.


A tão esperada “Corrida do 1 Milhão de Dólares” – sétima etapa da categoria – está marcada para o dia 31 de agosto, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá (RJ), e contará com o patrocínio da SKY.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *