Stock: Piso molhado transforma classificação da Stock Car em loteria

Antonio Pizzonia, da K-med Action Power, tinha chance de pole position, ao ser mais rápido no seco ontem, mas piso molhado criou treino inusitado em Santa Cruz; para Thiago Marques, objetivo é pontuar.

Ao terminar o primeiro dia de treinos livres como o mais rápido do dia, Antonio Pizzonia, da K-med Action Power, tinha boas perspectivas de lutar pela pole position. Mas a pista molhada transformou a sessão classificatória da Stock Car em loteria, como atestou também Thiago Marques (K-med-Alpina).

Já não chovia no momento da classificação, no final da manhã nesta sexta-feira na cidade gaúcha. Mas a pista ainda estava em condições adversas devido a chuva logo no início do dia. Com isso, os pilotos só conseguiram melhorar o tempo nos minutos finais da sessão.

Pizzonia e Marques estavam entre os oito primeiros até cinco minutos do final do treino. “Neste momento, alguns pilotos optaram por colocar um segundo jogo de pneu novo, uma decisão que acabou se mostrando correta”, afirmou Thiago Marques, que vai largar na 17ª colocação.

“Com certeza, nosso potencial era para ficar entre os primeiros, mas classificação no piso molhado é assim mesmo, uma espécie de loteria para todos os pilotos, porque é muito difícil conseguir uma volta limpa, sem pegar retardatário no momento em que a pista fica com o traçado mais rápido”, afirmou Pizzonia, que larga em 22º lugar amanhã.

O objetivo de Thiago Marques para a corrida deste sábado é somar o máximo de pontos possível para manter as chances de classificação para o playoff. “Estamos largando já praticamente dentro da zona de pontuação, por isso amanhã é hora de ter calma, especialmente nas primeiras voltas, e conseguir imprimir um bom ritmo de corrida”, afirma o paranaense.

Pizzonia também espera conquistar bons pontos na corrida deste sábado. “O carro está com um ótimo acerto, não conseguimos uma boa volta na classificação, mas temos boas chances de andar rápido neste sábado e fazer uma prova de recuperação”, comentou o ex-piloto da F-1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *