Stock: Preocupado com calor, Burti larga em sétimo

Piloto ficou a uma posição do Q3. “Corrida será bem atípica e quente o tempo todo”, diz.

Em mais um treino marcado por interrupções de bandeira vermelha, a Stock Car definiu o grid de largada para a sexta etapa da temporada 2009, a ser disputada no circuito de rua montado no Centro Administrativo da Bahia, em Salvador (BA). O paulistano Luciano Burti (Amanco/Poliron) vai largar da quarta fila, na sétima posição (como tempo de 1min07s698), colocação que julgou satisfatória. “Largar entre os dez primeiros é um bom resultado, ainda mais por ser uma pista nova, e principalmente por ser um circuito de rua. Todo mundo que fechou entre os dez primeiros fez um bom trabalho”, afirmou. A pole position ficou com Thiago Camilo, que marcou 1min06s700 no Q3.

“Não está ruim. Estou satisfeito com a nossa condição, mas claro que poderia ter sido um pouco melhor”, ponderou Burti, que deu a maior parte de suas voltas na primeira parte da classificação. “Tinha muito tráfego no Q1 e perdi voltas boas. Por isso fiz mais tentativas, ao contrário dos outros pilotos, que foram ao Q2 com os pneus menos gastos”, disse Burti, que passou à segunda fase do treino com o quinto melhor tempo.

No Q2, Burti registrou 1min07s698 na melhor de suas quatro voltas cronometradas pelos 2.724 metros do traçado urbano de Salvador. “Eu não estava com os pneus tão bons na segunda parte do treino, mas o nosso carro está muito bem acertado”, analisou o paulistano, décimo colocado no campeonato, com 34 pontos.
Sobre a corrida de amanhã, Luciano crê que deverá primar pela resistência. “Vai ser uma corrida muito diferente: a regra será evitar os erros ao máximo e aproveitar alguma chance se ela aparecer, já que neste circuito é muito difícil de ultrapassar. Será uma prova atípica, e de sobrevivência”, definiu.

Outra preocupação do piloto do carro número 14 é com o calor que faz na capital baiana. “Na sexta-feira estava pior que hoje (sábado). No entanto, por causa do horário da corrida de domingo, acho que facilmente a temperatura deverá superar os 50 graus no dentro do carro durante a corrida toda”, contou, lembrando que já enfrentou 61 graus em uma prova disputada em 2006 no Rio de Janeiro. “Vai ser quase igual”, prevê.

A sexta etapa da Copa Nextel tem largada prevista para as 11h de domingo, com transmissão ao vivo da Rede Globo dentro do programa Esporte Espetacular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *