Stock: Promessa é dívida. Com capô, Betinho Gresse faz corridão e termina pela primeira vez na zona de pontuação

Na primeira etapa do ano, paulista já fez mais do que a temporada passada inteira. E avisa: “Poderia ter feito muito mais”.

Norberto Gresse Filho (Bardahl / Le Caviar), piloto do carro nº 44 da equipe Hot Car, terminou em 14o lugar na primeira etapa da Copa NEXTEL Stock Car, em Interlagos; prova vencida por Paulo Salustiano. Betinho, como é conhecido nas pistas, terminou a corrida bastante cansado, graças ao esforço incrível que teve de desprender em função da quebra da caixa de direção nas três voltas finais da corrida.

Logo no início, partindo da 30a posição, Betinho fez um largadão e conquistou muitas posições. Com o passar do tempo foi realizando mais ultrapassagens até chegar a 17a colocação. Nesse momento, teve a entrada do Safety Car obrigatório, para parada de reabastecimento nos boxes. Foi ali que a corrida de Betinho começou a complicar. “Estávamos relativamente tranquilos nos boxes, abastecendo, quando vários carros que estavam atrás de mim, me passaram. A corrida ficou muito confusa, pois no meio da prova é bem difícil reencontrar o lugar certo. Quando voltei para a pista, minha referência era o Valdeno (Brito), mas ele, aparentemente, também estava na posição errada”, afirmou Betinho.

Logo que retornou, em busca de sua correta posição, Betinho se posicionou atrás de alguns pilotos que deveriam estar atrás dele e à frente de outros que deveriam estar à frente dele. Ou seja, uma verdadeira confusão! “Se eu estava exatamente atrás do Valdeno na parada e à frente do (Giuliano) Losacco, como eles podem ter chegado em 7o e em 11o e eu apenas em 15o? Não faz muito sentido isso…”, lamentou o piloto.

Na confusão de se recolocar na pista, Betinho levou vários toques de pilotos que não concordavam com seu posicionamento, o que acabou desalinhando o carro todo. Além disso, a quebra da caixa de direção deixou tudo muito mais complicado. “Eu tinha de forçar muito o braço e ainda dar uma ‘patada’ no acelerador para que a traseira saísse um pouco e eu conseguisse fazer as curvas. Sem contar os problemas de aquecimento, que também me preocupavam. Estou entre muito feliz por esses dois pontos, e ao mesmo tempo, um pouco chateado, pois sei que daria para ter chegado muito melhor. Mas vamos em frente!”, concluiu Betinho.

A próxima etapa da Copa NEXTEL Stock Car será no dia 12 de abril, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba, no Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *