Stock: Próximo da vitória, Ricardo Maurício tem problemas com o diferencial do carro

A exemplo do que ocorreu no ano passado, na histórica disputa entre Giuliano Losacco e Cacá Bueno pelo título, a definição do novo campeão da Stock Car V8 será na última etapa da temporada, em São Paulo. Neste domingo, no Rio de Janeiro, a vitória de Tarso Marques – que não está no grupo de finalistas –, o terceiro lugar de Hoover Orsi e a oitava colocação de Cacá criaram as condições necessárias para que a disputa se estendesse até a prova final.



O resultado deixou os quatro primeiros colocados – os únicos com chances matemáticas de chegar ao título – separados por apenas 11 pontos, sendo que a vitória na Stock Car V8 vale 25. Cacá Bueno passou a somar 256 pontos após a etapa carioca, contra 248 de Hoover Orsi e 245 de Felipe Maluhy e Giuliano Losacco, que seguem empatados na terceira posição.


 


A corrida deste domingo em Jacarepaguá começou conturbada por um acidente que envolveu diversos carros ainda na primeira volta, e teve três interrupções por safety car. O pole position Ricardo Maurício (Katalogo Racing) manteve a posição até restarem 12 minutos para o encerramento da disputa, e caminhava para sua primeira vitória na Stock V8 quando começou a perder rendimento devido à quebra do diferencial de seu carro – que jogou óleo nas rodas traseiras e dificultou o controle do carro.


 


Mesmo com a estabilidade comprometida, Ricardo conseguiu se manter por algumas voltas à frente de Tarso Marques e de Hoover Orsi, que se alternaram no ataque ao líder. Mas acabou perdendo muitas outras posições e recebeu a bandeirada em 12º. “Após o terceiro safety car eu não tinha mais nenhuma chance de segurara a liderança, tanto que minha última volta foi quase seis segundos pior que a minha melhor passagem, quando os demais pilotos tiveram uma queda de desempenho de cerca de quatro segundos”, declarou o piloto da equipe Katalogo Racing.


 


Largando em quinto, Tarso Marques partiu para o ataque nos momentos finais e trouxe consigo Antonio Jorge Neto, que havia partido em sétimo. Enquanto os dois disputavam a liderança, a disputa por posições intermediárias passou a ser a atração da prova, principalmente por definir pontos importantes na decisão do título. Em corrida de recuperação, Giuliano Losacco partiu em 18º e terminou em 9º, logo atrás de Cacá Bueno. A disputa entre eles se estendeu até a última volta e ambos chegaram a se tocar na entrada da reta oposta.


 


Ricardo Maurício lamentou o problema enfrentado na etapa carioca – que adiou, também, a primeira vitória da equipe Katalogo Racing na Stock Car V8 –, mas comemorou a primeira pole position conquistada pelo time. “Estamos dando um passo de cada vez. Nessa corrida conquistamos a primeira pole position, e agora vamos atrás da primeira vitória”, completou o piloto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *