Stock: Salustiano acredita na superclassificação no sábado

Paulista da equipe M4T/WAS poderia estar entre os cinco mais rápidos nos treinos livres, mas abortou a volta que seria a mais rápida dele.

No Autódromo Municipal José Carlos Pace, em São Paulo, a Copa Nextel Stock Car tem neste final de semana sua quarta etapa da temporada 2007, e já contou com os treinos livres nesta sexta-feira (15/6). O paulista Thiago Camilo (Texaco Vogel) dominou o dia, com a marca de 1min42s208. Pode parecer sonho ou muita pretensão, mas Paulo Salustiano (Inpacom, Nicoboco, Sawary e RedeTV), 16° na tabela de tempos, saiu feliz dos treinos, e com a certeza que estará na Superclassificação no treino que ordenará o grid de largada no sábado. “Estamos muito otimistas. Nosso objetivo é mais do que nunca a entrada na Superclassificação”, anuncia o paulista.

Salustiano estava computando sua melhor volta na segunda sessão de treinos, mas retornou aos boxes e não concluiu a passagem que poderia colocá-lo entre os cinco melhores do dia. Com a soma das duas parciais finais da volta anterior, com os dois trechos iniciais da volta que ele abortou no treino vespertino, teria baixado seu tempo de 1min43s318 para a casa dos 1min42s800. “Meu resultado final dos treinos livres não traduz a realidade, e isso nos deixa muito contentes, pois estamos com um bom ritmo para a classificação”, comemora o piloto da equipe M4T/WAS. “Sei que tem mais uns 20 pilotos pensando e com condições de estar brigando para entrar na Superclassificação. Não será nada fácil, pois estão todos muito próximos, mas estou muito seguro e confiante”, ressaltou o vice-campeão da Stock Light em 2005.

Para concluir esta meta, diante de tanta competitividade, o representante de Inpacom, Nicoboco, Sawary e RedeTV se concentrará para marcar uma volta sem erros no sábado. “Qualquer errada na pista, mesmo que custe apenas um décimo, já seria suficiente para deixar qualquer piloto várias posições atrás no grid. Eu mesmo, nesta minha melhor volta completada, acabei cometendo um erro na curva do Laranjinha, e me custou diversas posições. Na classificação isto não poderá ocorrer”, alertou Paulo Salustiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *