Stock: Tarso é o 3º no grid em Santa Cruz

O paranaense Tarso Marques, da equipe Terra Racing, conquistou neste sábado (dia 18) o terceiro lugar no grid de largada para a 6ª etapa da Copa Nextel Stock Car, que acontece no circuito de Santa Cruz do Sul (RS). A corrida deste domingo (19) terá sua largada às 13 horas (com transmissão ao vivo pelo SporTV).

 


A pole position ficou com o paranaense Rodrigo Sperafico, da Genéricos Biosintética Stock Car. Pela primeira vez na temporada, um piloto repete a pole na categoria principal. Rodrigo, que já havia largado na frente na 2ª etapa, em Curitiba (PR), cravou sua melhor volta em 1min25s852 no traçado de 3.530 metros. O piloto terá ao seu lado o paulista Thiago Camilo, líder do campeonato.


Tarso, que largou entre os 10 primeiros em cinco das seis etapas até aqui, comemorou o retorno ao “pelotão de elite”. Já o companheiro Felipe Maluhy não teve a mesma sorte. Sem encontrar o equilíbrio ideal de seu carro, ele vai partir da 23ª posição.


O treino classificatório aconteceu novamente com pista úmida e muito frio no circuito. Foram várias as saídas da pista, que ocasionaram cinco bandeiras vermelhas e atrapalharam a vida de muitos pilotos. Para este domingo, a previsão é de mais frio, com possibilidade de chuva.


“Meu carro melhorou muito no final do treino classificatório, porque começamos a sessão com o carro bem pior que ontem. Mexemos em várias coisas e conseguimos evoluir durante o treino. Depois aconteceram muitas bandeiras vermelhas e perdi uma das minhas melhores voltas em uma delas. No finalzinho, fiz uma volta boa e consegui me colocar entre os 10”, declarou Tarso, 12º no campeonato.


“Na Super Pole, andei com o carro no limite, tanto que na segunda volta rápida, quando já tinha feito o melhor tempo no primeiro trecho, acabei escapando. Mas é bom estar novamente entre os primeiros. Agora temos de focar para a corrida, porque precisamos melhorar bastante o carro para as condições de prova”, completou o paranaense, vencedor da 3ª etapa do ano, em Campo Grande (MS).


Maluhy, oitavo no campeonato, lamentou a falta de grip (aderência) de seu carro na pista. “O carro estava muito instável, sem grip na frente e atrás. Lutamos o tempo todo por um equilíbrio razoável, mas não conseguimos encontrar o balanço ideal. Acredito que haja algum problema no carro, porque andamos muito bem nas duas primeiras corridas e, nessas duas últimas, as coisas não foram boas para nós”, comentou o paulista, que em 2006 foi quarto colocado na corrida de Santa Cruz do Sul.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *