Stock: Valdeno Brito termina em quarto passa a figurar entre os 10 primeiros

Paraibano da Neo Química-Neosoro/JF Racing sube 16 posições em duas corridas e já vislumbra sua classificação ao playoff da categoria

Valdeno Brito comemorou neste domingo (19) mais um resultado positivo na Copa Nextel Stock Car V8. O piloto paraibano da Neo Química-Neosoro/JF Racing foi o quarto colocado na sexta etapa, disputada no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, e passou a figurar entre os 10 primeiros colocados na pontuação. É a este grupo, após oito corridas, que a disputa pelo título estará restrita.

Brito largou em 12º e valeu-se da conturbada largada, que eliminou uma série de pilotos da disputa, para subir à sétima colocação. Na segunda relargada, um incidente entre Rodrigo Sperafico, Allam Khodair e Fábio Carreira o fez herdar mais três posições. “Ganhei posições com os problemas dos outros e recebi uma pressão muito forte durante toda a prova, principalmente pelo quarto lugar, com o Ricardo Maurício. A disputa com ele foi muito leal”, reconheceu.

A mudança de temperatura durante a corrida surpreendeu os pilotos. “Nós não pensávamos que fosse esquentar tanto do início ao fim da prova, eu acho que nós perdemos um pouquinho na calibragem dos pneus. Mas estou feliz pela boa prova que fizemos, por estar entre os 10 primeiros no campeonato e por ter nas mãos um carro tão bom. Há duas corridas, eu era 26º no campeonato. Agora, sou décimo, na briga por uma vaga no playoff”. É maravilhoso”, exultou.

Na classificação do campeonato, Brito passa a ocupar o décimo lugar que até a corrida em Santa Cruz do Sul era do e Ruben Fontes, seu companheiro na Neo Química-Neosoro/JF Racing. Vencedor desta etapa em 2006, o goiano não teve um domingo tão produtivo quanto planejava e acabou abandonando na última volta, ficando com o 20º lugar na classificação da etapa. Fontes está em 12º, a duas posições e sete pontos do grupo do playoff.

“A largada foi uma selvageria, eu levei uma batida na traseira e, por causa disso, acabei batendo em alguém da frente, nem vi em quem foi. No meio de toda aquela confusão, com os acidentes e ultrapassagens, eu ganhei 10 posições, mas infelizmente meu motor veio perdendo rendimento, eu perdia uma posição atrás da outra. Até que, na última volta, o motor apagou de vez”, descreveu. “Foi uma pena, mas não adianta lamentar. Vamos para a próxima”.

A temporada da Stock Car V8 terá seqüência no dia 8 de setembro, um sábado, com a sétima etapa no Autódromo Internacional de Curitiba. No dia 23, a oitava etapa, em Brasília, definirá o grupo dos 10 pilotos classificados à disputa paralela pelo título, que será consumada nas quatro corridas finais de 2007. Estas provas, as quatro do playoff, acontecerão nos autódromos de Buenos Aires, de Porto Alegre, do Rio de Janeiro e de São Paulo.

A corrida deste domingo foi vencida pelo carioca Cacá Bueno, campeão do ano passado, que assumiu o comando na tabela de classificação. O paulista Luciano Burti e o paranaense Enrique Bernoldi completaram o pódio. Para estes dois pilotos, ambos com passagens pela Fórmula 1, o resultado foi o melhor desde que chegaram à Stock Car V8.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *