Super GT: João Paulo de Oliveira abandona corrida no Japão

Brasileiro estava na quinta posição quando direção hidráulica quebrou com seu companheiro no finalzinho da corrida.

O final do Campeonato Japonês de Super GT não está saindo como o brasileiro João Paulo de Oliveira (Nissan) planejava. Na oitava e penúltima etapa, disputada neste domingo (19/10), ele teve que amargar um abandono faltando oito voltas para o encerramento dos 300 Km de Autópolis. “Quebrou a direção hidráulica no turno final”, contou. A vitória ficou com a dupla Benoit Treluyer (FRA)/Satoshi Motoyama (JAP), com Nissan GT-R/Bridgestone, que ao completar as 65 voltas em 1h56min36s729, voltou a assumir a liderança do principal certame de carros Gran Turismo do Oriente.

Depois de largar da 13ª posição, João Paulo de Oliveira fez uma bela prova e entregou o carro para Seiji Ara, seu companheiro de equipe, já no pelotão da frente. “Uma pena, eu estava indo muito bem e entreguei pro meu companheiro com chances de terminar entre os cinco primeiros, porque era onde estávamos quando eu parei. Mas dai o Ara voltou pra pista e quebrou depois de duas voltas”, explicou desolado. “Ele disse que não estava agüentando dirigir daquele jeito e paramos faltando só oito voltas”.

A nona e última etapa do Campeonato Japonês de Super GT será em Fuji, no dia 9 de novembro. “Sem o lastro por bom desempenho, espero que tenhamos um bom resultado na próxima corrida, para encerrar o campeonato pelo menos entre os dez primeiros na pontuação”, prevê João Paulo, que caiu do 10º para o 13º posto por não ter pontuado.

Resultado dos 300 Km de Autopolis:

1º) Benoit Treluyer (FRA)/Satoshi Motoyama (JAP), Nissan GT-R (B), 65 voltas em 1h56min36s729
2º) Loic Duval (FRA)/Katsuyuki Hiranaka (JAP), Honda NSX (D), a 18s490
3º) Ralph Firman (IRL)/Takuya Izawa (JAP), Honda NSX (B), a 35s781
4°) Richard Lyons (IRL)/Yuji Tachikawa (JAP), Toyota SC430 (B), a 47s340
5º) 22 Michael Krumm (ALE)/Masataka Yanagida (JAP), Nissan GT-R (B), a 47s637
6º) Ronnie Quintarelli (ITA)/Naoki Yokomizo (JAP), Nissan GT-R (B), a 50s145
7º) Ryo Michigani (JAP)/Takashi Kogure (JAP), Honda NSX (B), a 51s443
8º) Andre Lotterer (ALE)/Juichi Wakisaka (JAP), Toyota SC430 (B), a 56s749
9º) Yuji Ide (JAP)/Shinya Hosokawa (JAP), Honda NSX (B), a 1min02s272
10º) 12 Sebastien Phillipe (FRA)/Tsugio Matsuda (JAP), Nissan GT-R (B), a 1min07s445
16º) João Paulo de Oliveira (BRA)/Seiji Ara (JAP), Nissan GT-R (Y), a 8 voltas

Veja como está o campeonato da Super GT após oito etapas:

1º) 23 Benoit Treluyer (FRA)/Satoshi Motoyama (JAP), Nissan GT-R (B), 74
2º) 18 Ryo Michigani (JAP)/Takashi Kogure (JAP), Honda NSX (B), 60
3º) 36 Andre Lotterer (ALE)/Juichi Wakisaka (JAP), Toyota SC430 (B), 59
4º) 22 Michael Krumm (ALE)/Masataka Yanagida (JAP), Nissan GT-R (B), 57
5°) 38 Richard Lyons (IRL)/Yuji Tachikawa (JAP), Toyota SC430 (B), 57
6º) 1 Ralph Firman (IRL)/Takuya Izawa (JAP), Honda NSX (B), 49
7º) 12 Sebastien Phillipe (FRA)/Tsugio Matsuda (JAP), Nissan GT-R (B), 41
8º) 100 Yuji Ide (JAP)/Shinya Hosokawa (JAP), Honda NSX (B), 41
9º) 35 Peter Dumbreck (ESC)/Tatsuya Kataoka (JAP), Toyota SC430 (B), 40
10º) 3 Ronnie Quintarelli (ITA)/Naoki Yokomizo (JAP), Nissan GT-R (B), 39
12º) 24 João Paulo de Oliveira (BRA)/Seiji Ara (JAP), Nissan GT-R (Y), 34

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *