Truck: Concorrentes ao título dominam treinos em Curitiba

Três concorrentes principais ao título, Wellington Cirino, Roberval Andrade e Felipe Giaffone, dominaram os treinos livres desta sexta-feira.

A antepenúltima etapa da Fórmula Truck começou hoje, em Curitiba, com a disputa dos primeiro treinos livres desta sexta-feira, indicando que a briga pelo título será mesmo a atração principal da corrida.

Os três principais concorrentes à taça de campeão dominaram as sessões: Wellington Cirino foi o mais rápido, seguido de perto por Roberval Andrade e Felipe Giaffone, da Volkswagen. Cada um defende uma marca de caminhão, mostrando que o equilíbrio segue sendo característica da categoria.

“A gente tinha certeza de que esta etapa seria muito disputada e que os caminhões maiores, com motor 12 litros, como o do Cirino e do Roberval, viriam muito fortes. Em Goiânia, foi uma surpresa para todos quando dominamos o treino. Hoje não, tudo ocorreu como esperado. Mas acredito que temos chance de diminuir esta pequena diferença que nos separa do primeiro lugar. De todo modo, ficar em terceiro no primeiro dia é um bom começo”, afirmou Giaffone, líder do campeonato.

Outro Volkswagen Constellation terminou os treinos entre os primeiros, com Renato Martins ficando na quarta colocação. “Amanhã vamos tentar extrair ainda mais velocidade de nosso conjunto, para poder competir em reta com o Cirino e o Roberval. Estamos com um set up muito bom”, comentou Martins, o atual campeão da categoria e recordista de vitórias da Truck.

Valmir “Hisgué” Benavides e Jonatas Borlenghi, ambos da RM Competições, também estiveram entre os primeiros nos treinos de hoje e estão otimistas por uma boa prova amanhã. “Quero manter o desempenho da etapa passada”, diz Hisgué, que venceu a corrida anterior, em Goiânia. Ele terminou o dia em 9º lugar. “Hoje andei pouco no treino livre, acho que amanhã dá para melhorar bastante”, comentou Neno, o 12º na somatória dos tempos de sexta.

Na Beto Napolitano Competições, o destaque foi o treino de estréia de Leandro Camargo. Ele pilotou pela primeira vez o caminhão Volkswagen Constellation. “Nunca tinha andado de Truck, fiquei muito realizado com a experiência. É totalmente diferente das outras categorias que participei, o caminhão exige uma tocada mais suave e técnica. Tenho que adaptar meu estilo de guiar”, comentou o goiano, que registrou 1m45s346, o 20º melhor do dia. Beto Napolitano ficou em 24º.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *