Truck: Herberto Heinen representa gaúchos em Tarumã

Piloto da Volkswagen espera bom desempenho correndo em seu Estado natal; Beto Napolitano e Adalberto Jardim estão confiantes num bom desempenho da Volkswagen, atual líder entre marcas.



Um dos principais redutos da Fórmula Truck, o Rio Grande do Sul recebe neste domingo a oitava e penúltima etapa da categoria, que será disputada em Tarumã (RS), a partir das 14h (com transmissão ao vivo pela TV Band). No que depender do representante gaúcho, o piloto Herberto Heinen (Volkswagen), a bandeira do Estado estará no pódio da corrida deste final de semana.


 


O piloto da RM Competições espera repetir na corrida em casa o seu melhor resultado do ano, em Interlagos, onde foi o quinto colocado. “Sem dúvida seria inesquecível estar entre os cinco primeiros em Tarumã, onde corre com o apoio da torcida gaúcha, sempre muito fanática pela Truck”, comentou Heinen, que, ao lado de Regis Boessio, representa o Rio Grande do Sul na Truck.


 


Heinen está otimista com o desempenho de sua equipe, que inclusive pode sair de Tarumã consagrando Renato Martins como campeão da temporada. “Nosso caminhão está melhor a cada prova, como mostra a nossa liderança nos dois campeonatos, de pilotos e de marcas”, comenta Heinen.


 


Seus companheiros de equipe também engrossam o discurso de lutar pelo objetivo de título da equipe. Para Beto Napolitano, uma boa performance de todo o time em Tarumã pode deixar a Volkswagen em situação confortável para assegurar o campeonato de marcas. “Nossos caminhões estão andando entre os primeiros e isso nos deixa confiantes em uma boa prova neste domingo”, comenta o paulista.


 


Napolitano espera uma briga acirrada na prova de Tarumã, pista de alta velocidade que guarda alguns segredos de pilotagem e de acerto do equipamento. “O motor tem que ser eficiente e é preciso um bom ajuste de suspensão. Estamos bem nestes dois quesitos”, afirma o piloto.


 


Adalberto Jardim também acredita em uma boa corrida do time. Segundo o piloto da Volkswagen, Renato contará com a ajuda dos outros quatro pilotos da RM Competições, mas isso não significa que o ritmo de prova deles será menor por conta desta preocupação extra.


 


“Pelo contrário, vamos andar bem forte. Dependendo da combinação de resultados, uma vitória minha, por exemplo, pode dar o título para o Renato. Existe ajuda melhor do que esta?”, comenta Jardim.


 


Segundo os pilotos da Volkswagen, o treino de classificação será fundamental nesta etapa. “Vamos trabalhar pensando em uma boa posição do grid. Nas provas passadas, conseguimos evoluir a performance do caminhão sem diminuir sua resistência. Nosso objetivo é continuar seguindo neste compromisso”, afirma Jardim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *