Truck: Muffato tenta melhorar posição de largada no Rio

Paranaense da equipe Muffatão entende que estando mais à frente na
fila de largada diminui risco de acidentes para atingir zona de pontuação.

Após 15 anos de sua participação numa etapa carioca do Campeonato Sul-Americano de Fórmula 3, Pedro Muffato volta a disputar uma corrida no Rio de Janeiro. O paranaense da equipe Muffatão vai à pista já nesta sexta-feira (16), na abertura dos treinos livres da segunda etapa do Campeonato Sul-Americano de Fórmula Truck. A corrida será disputada domingo (18) no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá.
Muffato, depois de seis anos pilotando um caminhão azul, estreia no Rio o layout de seu Scania número 20, agora verde, decorado nas logomarcas de Stara e Café Pilão. E, segundo ele, mais competitivo que na corrida do mês passado em Guaporé (RS). “O caminhão vai estar um pouco mais competitivo. Eu não tenho o melhor caminhão da Truck, o meu não é um dos melhores, mas também não está ruim”, comenta o experiente piloto.
Uma das metas de Pedro Muffato para a inédita etapa carioca será obter uma posição de largada um tanto expressiva. “Em tenho condição de largar um pouquinho mais para a frente. Isso é uma necessidade, quando mais para a frente vier, menor é o risco de me envolver em um acidente”, considera o piloto. “Eu vou confiante, pronto para marcar meus pontinhos. E vai ser muito interessante voltar a correr no Rio”, ele acrescenta.
Pedro Muffato lembra que foi numa etapa então inédita da Truck, como é a do Rio, que obteve seu melhor desempenho na categoria. “Fiz a pole e ganhei de ponta a ponta a corrida de Fortaleza em 2006, foi o primeiro ano da Truck lá. A condição naquela época era outra, eu tinha um caminhão competitivo, a condição do treino e da corrida foi um pouco diferente. Enfim, a realidade de hoje é outra, e vou ficar satisfeito marcando pontos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *